Pressreader / UOL Banca / Nuvem



Siga, Curta e Compartilhe
#brasilemfolhas - #jonaldodia - #jornaldigital
#jornalbrasil - #newspaperbrazil - #jornalhoje


20 de Nov de 2018 - Jornal em tempo real - Expediente - Publicidade

 

 
Notícias
 Mulher baleada por PM em Duque de Caxias tem morte cerebral - Jornal Brasil em Folhas
Mulher baleada por PM em Duque de Caxias tem morte cerebral


A Secretaria de Saúde de Duque de Caxias, na Baixada Fluminense, informou que a costureira Vânia Silva Tiburcio, de 37 anos, teve morte cerebral. Ela foi baleada na noite dessa terça-feira (20) por um policial militar, durante uma blitz em Duque de Caxias, na Baixada Fluminense, região metropolitana do Rio de Janeiro.

O carro em que a vítima estava era conduzido pelo marido dela, Carlos Alberto Lopes, e havia sido roubado em abril, recuperado dias depois, mas a baixa no Detran ainda não tinha sido efetuada. Vania está internada no Hospital Municipal Moacyr Rodrigues do Carmo, em Duque de Caxias.

Segundo nota da Polícia Militar (PM), o veículo com a placa KQR-9943 ainda constava como roubado e por isso foi parado na blitz. Ainda segundo a PM, o disparo foi feito contra o carro porque o motorista “não obedeceu à ordem de parar e tentou fugir da equipe”.

Segundo o marido da vítima, eles estavam indo para a casa da mãe de Vânia, onde iriam passar a noite, para hoje pela manhã seguirem até o posto de Detran para resolver a situação do veículo. Ele disse que o bairro onde moram em Duque de Caxias é considerado área de risco e, portanto, um local muito perigoso para sair de manhã cedo, por isso a decisão de dormir na casa da sogra.

O caso está na Delegacia de Homicídios, onde foi instaurado um inquérito policial. As armas dos policiais foram apreendidas e vão passar por perícia.

Edição: Juliana Andrade

 

Últimas Notícias

Estimativa do mercado para inflação cai pela quarta vez seguida
Autoridades de Cuba anunciam retorno de médicos antes do fim do ano
Guatemala monitora atividades de vulcão que pode ter novas erupções
Marcelo Piloto é extraditado do Paraguai para o Brasil
Ex-CEO da Nissan é preso no Japão suspeito de reduzir próprio lucro
Governador eleito do Rio promete nova concessão para o Maracanã
Relatório alerta que há 45 barragens sob ameaça de desabamento
Relatório alerta que há 45 barragens sob ameaça de desabamento

MAIS NOTICIAS

 

Estimativa do mercado para inflação cai pela quarta vez seguida
 
 
Autoridades de Cuba anunciam retorno de médicos antes do fim do ano
 
 
Guatemala monitora atividades de vulcão que pode ter novas erupções
 
 
Ex-CEO da Nissan é preso no Japão suspeito de reduzir próprio lucro
 
 
Governador eleito do Rio promete nova concessão para o Maracanã
 
 
Relatório alerta que há 45 barragens sob ameaça de desabamento

 


 
 
 
 


ÚLTIMAS EDIÇÕES DO JORNAL BRASIL EM FOLHAS

 
 




© 2008 - 2019 - BRASIL EM FOLHAS S/A - CENTRAL DE ATENDIMENTO +55 (62) 3040-8212