Assine Brasil em Folhas / Nuvem / Pressreader



Siga, Curta e Compartilhe
#brasilemfolhas - #jonaldodia - #jornaldigital
#jornalbrasil - #newspaperbrazil - #jornalhoje


24 de Sep de 2018 - Jornal em tempo real - Expediente - Publicidade
 

...

...

 
Notícias
 Nuzman nega ter comprado votos para o Rio sediar Jogos Olímpicos - Jornal Brasil em Folhas
Nuzman nega ter comprado votos para o Rio sediar Jogos Olímpicos


O ex-presidente do Comitê Olímpico Brasileiro (COB) Carlos Arthur Nuzman negou ter conhecimento da compra de votos pelo Brasil para garantir a conquista dos Jogos Olímpicos no país. Ele foi interrogado nesta quarta-feira (22) pelo juiz Marcelo Bretas, da 7ª Vara Federal, dentro da Operação Unfair Play.

O magistrado iniciou o interrogatório querendo saber se Nuzman tinha informações sobre pagamento de vantagens para que o Rio de Janeiro sediasse os jogos e se ele conhecia o empresário Arthur Soares, conhecido como Rei Arthur, atualmente foragido, que teria intermediado o pagamento.

“Eu não conheço nenhuma proposta de compra de votos, nenhuma ação que tenha gerado isso, não conheço Arthur Soares, nunca o vi, nunca o encontrei”, declarou Nuzman, que chegou a ser preso na deflagração da operação, em outubro de 2017.

Na época, se descobriu que ele guardava 16 quilos de ouro em um banco na Suíça, em um valor aproximado de R$ 2 milhões. Perguntado pela procuradora federal Fabiana Schneider sobre a origem do ouro, Nuzman disse que era fruto de negócios passados, mas não soube justificar porque não havia declarado à Receita Federal, o que só foi feito depois da descoberta.

Nuzman também disse desconhecer o teor de e-mails recebidos do ex-presidente da Associação Internacional de Federações de Atletismo, o senegalês Lamine Diack, cobrando repasses de dinheiro. De acordo com a denúncia, Nuzman, o ex-governador Sérgio Cabral e o ex-diretor de marketing do COB Leonardo Gryner solicitaram diretamente a Arthur Soares o pagamento a Lamine Diack e seu filho, Papa Diack, de US$ 2 milhões, para garantir votos para o Rio de Janeiro na eleição da cidade-sede dos Jogos Olímpicos de 2016.

A audiência desta quarta-feira foi a última do processo, que agora se encaminha para o final, com a promulgação de sentença sem data prevista.

Edição: Fernando Fraga

 

Últimas Notícias

Varejo perde R$ 19,5 bilhões em 2017 por danos em produtos e furtos
A partir deste sábado, candidatos só podem ser presos em flagrante
Brasileiros não se sentem prontos para lidar com a morte, diz pesquisa
Aos 95 anos, Gervásio Baptista recebe Medalha do Mérito Jornalístico
PF combate grupo criminoso responsável por contrabando de cigarros
Primavera começa hoje com possibilidade de novo episódio do El Niño
Facebook anuncia medidas para combater contas falsas e desinformação
Polícia Militar faz operação na Rocinha

MAIS NOTICIAS

 

Toffoli toma posse hoje na presidência do STF
 
 
Chanceler do Paraguai visita Brasil para negociar construção de pontes
 
 
Indústria recua em oito dos 15 locais pesquisados pelo IBGE em julho
 
 
Brasil amplia investimento em educação infantil, diz OCDE
 
 
México investiga caso de deputadas forçadas a renunciar
 
 
A série de ataques de 11 de Setembro completa 17 anos

 

 
 
 
 


ÚLTIMAS EDIÇÕES DO JORNAL BRASIL EM FOLHAS

 
 




© 2008 - 2017 - BRASIL EM FOLHAS S/A - CENTRAL DE ATENDIMENTO +55 (62) 3040-8212