Assine Brasil em Folhas / Nuvem / Pressreader



Siga, Curta e Compartilhe
#brasilemfolhas - #jonaldodia - #jornaldigital
#jornalbrasil - #newspaperbrazil - #jornalhoje


21 de Sep de 2018 - Jornal em tempo real - Expediente - Publicidade
 

...

...

 
Notícias
 Obama e Trump lamentam morte de McCain e lembram coragem do senador - Jornal Brasil em Folhas
Obama e Trump lamentam morte de McCain e lembram coragem do senador


O senador republicano John McCain, que morreu ontem (25), aos 81 anos, vítima de câncer, recebeu hoje (26) homenagens de dois de seus mais importantes adversários políticos na disputa pela presidência dos Estados Unidos: o ex-presidente Barack Obama, contra quem disputou as eleições de 2008, e o atual presidente Donald Trump, que, apesar de ser do mesmo partido de McCain, foi alvo de suas críticas em algumas situações.

Por meio de suas contas no Twitter, Trump e Obama lamentaram a morte de McCain. “Meus mais profundos sentimentos e respeito vão para a família do senador John McCain. Nossos corações e orações estão com você!”, disse Trump na rede social.

Também por meio de sua conta no Twitter, Barack Obama lembrou que ele e McCain pertenciam a diferentes gerações, tinham “origens completamente diferentes” e que, apesar das diferenças, competiram “no mais alto nível da política”.

“Nós compartilhamos, apesar de todas as nossas diferenças, uma fidelidade a algo mais elevado - os ideais pelos quais gerações de americanos e imigrantes lutaram, marcharam e se sacrificaram”, disse Obama.

“Poucos de nós foram testados do jeito que John foi, ou teve de mostrar o tipo de coragem que ele tinha. Mas todos nós podemos aspirar à coragem de colocar o bem maior acima do nosso. John nos mostrou o que isso significa. Por isso, estamos todos em dívida com ele”, acrescentou o ex-presidente democrata ao enviar condolências à família do republicano.
União Europeia

A alta representante para a Política Externa da União Europeia (UE), Federica Mogherini, destacou neste domingo que o senador era um firme defensor de relações transatlânticas robustas entre os Estados Unidos e o bloco europeu.

O senador McCain foi um homem de Estado respeitado que dedicou sua vida ao serviço público com integridade, princípios e grande senso de dever. Era um verdadeiro defensor da importância de uma relação forte entre a UE e os EUA em temas como segurança e prosperidade e como pilar de uma ordem global regularizada, afirmou Mogherini em comunicado.

A chefe de diplomacia europeia ressaltou ainda que tinha sido um privilégio poder cooperar com McCain ao longo dos anos, e enviou suas condolências de parte da UE tanto à sua família quanto ao povo americano.

Matéria alterada às 15h para acréscimo de informação.

Edição: Armando Cardoso

 

Últimas Notícias

Centro está preparado para lançamento de foguete após acidente
Cidades brasileiras integram programa de preservação de florestas
MP denuncia ex-marido de corretora assassinada no Rio
Bolsonaro segue estável e internado no Hospital Albert Einstein
Goiás entra para a elite dos Estados mais competitivos do País
Petrobras eleva gasolina em 2 centavos; diesel permanece inalterado
MME faz consulta sobre planejamento da transmissão de energia elétrica
Inadimplência do consumidor subiu 3,63% em agosto

MAIS NOTICIAS

 

Toffoli toma posse hoje na presidência do STF
 
 
Chanceler do Paraguai visita Brasil para negociar construção de pontes
 
 
Indústria recua em oito dos 15 locais pesquisados pelo IBGE em julho
 
 
Brasil amplia investimento em educação infantil, diz OCDE
 
 
México investiga caso de deputadas forçadas a renunciar
 
 
A série de ataques de 11 de Setembro completa 17 anos

 

 
 
 
 


ÚLTIMAS EDIÇÕES DO JORNAL BRASIL EM FOLHAS

 
 




© 2008 - 2017 - BRASIL EM FOLHAS S/A - CENTRAL DE ATENDIMENTO +55 (62) 3040-8212