Assine Brasil em Folhas / Nuvem / Pressreader



Siga, Curta e Compartilhe
#brasilemfolhas - #jonaldodia - #jornaldigital
#jornalbrasil - #newspaperbrazil - #jornalhoje


20 de Sep de 2018 - Jornal em tempo real - Expediente - Publicidade
 

...

...

 
Notícias
 Angra dos Reis suspende estado de emergência na segurança - Jornal Brasil em Folhas
Angra dos Reis suspende estado de emergência na segurança


O prefeito de Angra dos Reis, Fernando Jordão, revogou hoje (28) o decreto de emergência na segurança pública do município, editado no dia 21 deste mês, em razão de um plano de segurança pública elaborado pelos órgãos federais para o município e as cidades vizinhas de Paraty e Mangaratiba, na Costa Verde.

Na revogação do decreto, Jordão cita que “a imediata e efetiva intervenção dos órgãos de segurança pública no sentido de combater a criminalidade no território municipal, bem como a desobstrução da Rio-Santos, principal entrada e saída da cidade, condição indispensável para a viabilidade dos Planos de Emergência das Usinas Nucleares [Angra 1 e 2], inclusive sob responsabilidade a cargo do Gabinete de Segurança Institucional (GSI) da Presidência da República, revogo o decreto municipal de 21 de agosto último, que entra em vigor a partir de hoje”.

Encontros

Hoje (28), um dia após a decretação do estado de emergência na segurança pública, o prefeito Fernando Jordão esteve em Brasília, com o ministro do Gabinete de Segurança Institucional da Presidência da República, general Sérgio Etchegoyen, onde relatou sua preocupação com a onda de violência na cidade, com o aumento da criminalidade e a luta de duas facções criminosas pelo controle do tráfico na região. Angra é uma cidade que vive do turismo, com praias conhecidas internacionalmente, e que acabaram atraindo a criminalidade para a região.

O aumento da criminalidade na região da Costa Verde começou a aumentar após a criação das Unidades de Polícia Pacificadora (UPP), em 2010, nos morros e comunidades do Rio de Janeiro.

O prefeito Fernando Jordão se encontrou, no Rio, na segunda-feira (27), com o secretário de Segurança Pública, general Richard Nunes, de quem recebeu a promessa de que as forças de segurança do estado começariam a agir na região. Já à noite, tropas do Batalhão de Operações Policiais Especiais (Bope) da PM, da Polícia Rodoviária Federal, Polícia Federal e o batalhão de Angra (33º batalhão) intensificaram às operações na cidade, com ações contra o crime organizado.

Usinas

Quanto à questão da segurança pública em Angra dos Reis e possíveis efeitos numa eventual situação de emergência na central nuclear, Eletronuclear disse em nota que entende o momento difícil pelo qual o município está passando, mas assegura ter plena capacidade de efetuar as operações do seu Plano de Emergência Local (PEL).

O PEL abrange a área de propriedade da Eletronuclear - que inclui a central nuclear em Itaorna, a Vila Residencial de Praia Brava e a área da Piraquara de Fora. O plano é de responsabilidade da empresa e operado com pessoal próprio.

Já o Plano de Emergência Externo é de responsabilidade do governo do estado do Rio de Janeiro. A Eletronuclear tem mantido contato diário com o secretário de Segurança do Estado, general Richard Nunes para acompanhar a situação.

A Eletronuclear informou ainda que as usinas Angra 1 e Angra 2 estão operando normalmente, com plena capacidade, gerando 2.020 MWe.

Edição: Fernando Fraga

 

Últimas Notícias

Centro está preparado para lançamento de foguete após acidente
Cidades brasileiras integram programa de preservação de florestas
MP denuncia ex-marido de corretora assassinada no Rio
Bolsonaro segue estável e internado no Hospital Albert Einstein
Goiás entra para a elite dos Estados mais competitivos do País
Petrobras eleva gasolina em 2 centavos; diesel permanece inalterado
MME faz consulta sobre planejamento da transmissão de energia elétrica
Inadimplência do consumidor subiu 3,63% em agosto

MAIS NOTICIAS

 

Toffoli toma posse hoje na presidência do STF
 
 
Chanceler do Paraguai visita Brasil para negociar construção de pontes
 
 
Indústria recua em oito dos 15 locais pesquisados pelo IBGE em julho
 
 
Brasil amplia investimento em educação infantil, diz OCDE
 
 
México investiga caso de deputadas forçadas a renunciar
 
 
A série de ataques de 11 de Setembro completa 17 anos

 

 
 
 
 


ÚLTIMAS EDIÇÕES DO JORNAL BRASIL EM FOLHAS

 
 




© 2008 - 2017 - BRASIL EM FOLHAS S/A - CENTRAL DE ATENDIMENTO +55 (62) 3040-8212