Pressreader / UOL Banca / Nuvem



Siga, Curta e Compartilhe
#brasilemfolhas - #jonaldodia - #jornaldigital
#jornalbrasil - #newspaperbrazil - #jornalhoje


18 de Nov de 2018 - Jornal em tempo real - Expediente - Publicidade

 

 
Notícias
 Dinheiro não resolve problema de Roraima com venezuelanos, diz Padilha - Jornal Brasil em Folhas
Dinheiro não resolve problema de Roraima com venezuelanos, diz Padilha


O ministro-chefe da Casa Civil da Presidência da República, Eliseu Padilha, disse hoje (28) que o envio de dinheiro do governo federal para Roraima “não resolve nada neste momento”. Segundo o ministro, o aumento da transferência de imigrantes venezuelanos para outros estados, processo chamado de interiorização, é que vai resolver os problemas enfrentados pelo estado.

“O que faria o dinheiro? O dinheiro não resolve nada neste momento. Estamos com serviço de saúde custeado pelo governo federal, com serviço do Ministério do Trabalho, Polícia Federal, Receita Federal. Os órgãos que estão cuidando dos venezuelanos são de responsabilidade do governo federal. O serviço de saúde do município e do estado já foram supridos com recursos pelo Ministério da Saúde”, disse Padilha em entrevista após participar de cerimônia no Palácio do Planalto.

Segundo o ministro, é preciso ampliar o processo de interiorização dos venezuelanos, já que Roraima não comporta um número maior de imigrantes do que os que já estão lá. “O problema venezuelano se resolve com a distribuição deles por todo o território nacional. Eles não podem ficar em Boa Vista ou Pacaraima. As cidades não comportam mais venezuelanos do que aqueles que já tem lá.”

A governadora de Roraima, Suely Campos, já pediu ao governo R$ 184 milhões como ressarcimento por gastos com venezuelanos. Segundo Suely Campos, os recursos seriam referentes a gastos em áreas como saúde, educação e segurança.

Hoje (28), 187 venezuelanos deixaram Boa Vista, capital de Roraima, e seguiram para Manaus (65), João Pessoa (69) e São Paulo (53) em busca de novas oportunidades. Ao longo da semana, 276 venezuelanos serão transferidos de Roraima para outros estados em aviões da Força Aérea Brasileira (FAB).

Conforme previsão da Casa Civil da Presidência da República, que coordena a ação, somando os meses de agosto e setembro, o processo de interiorização incluirá mais de mil venezuelanos.

Edição: Nádia Franco

 

Últimas Notícias

Bolsonaro terá uma série de reuniões na próxima semana em Brasília
Com pênalti controverso, Brasil vence Uruguai por um a zero
Brasil está preparado para substituir médicos cubanos, afirma Temer
Chega a quatro número de vítimas das chuvas em Belo Horizonte
Estudantes poderão renovar o Fies até o dia 23
Massoterapeuta Dani Bumbum deixa prisão no Rio
Cervejas terão rótulos com os ingredientes usados na fabricação
Temporal causa mortes e estragos em BH; adolescente está desaparecida

MAIS NOTICIAS

 

Morre em Pelotas o criador da camisa canarinho, Aldyr Schlee
 
 
Brasil concentrou 40% dos feminicídios da América Latina em 2017
 
 
Jungmann e Toffoli anunciam sistema para unificar processos de presos
 
 
Pensamento liberal deve guiar a equipe econômica de Bolsonaro
 
 
Gold3-4 minutosfajn permanecerá à frente do BC até Senado aprovar Campos Neto
 
 
Senado argentino aprova orçamento de 2019 como prometeu ao FMI

 

 
 
 
 


ÚLTIMAS EDIÇÕES DO JORNAL BRASIL EM FOLHAS

 
 




© 2008 - 2019 - BRASIL EM FOLHAS S/A - CENTRAL DE ATENDIMENTO +55 (62) 3040-8212