Pressreader / UOL Banca / Nuvem



Siga, Curta e Compartilhe
#brasilemfolhas - #jonaldodia - #jornaldigital
#jornalbrasil - #newspaperbrazil - #jornalhoje


19 de Mar de 2019 - Jornal em tempo real - Expediente - Publicidade

 

 
Notícias
 Organizadores buscam reverter suspensão de leilão no setor energético - Jornal Brasil em Folhas
Organizadores buscam reverter suspensão de leilão no setor energético


Após a decisão do presidente do Tribunal Regional Federal da 2ª Região (TRF2), desembargador federal André Fontes, que suspendeu a realização do leilão para contratar empreendimentos de geração de energia A-6, que estava marcado para a manhã desta sexta-feira (31), as instituições responsáveis pelo certame trabalham para reverter a suspensão.

As instituições responsáveis pela organização e realização do leilão estão atuando na esfera judicial para garantir a manutenção do certame na data programada. Os participantes do leilão serão informados sobre o novo horário assim que a questão for definida, informou a Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel), em comunicado.

O leilão, que seria realizado na sede da Câmara de Comercialização de Energia Elétrica (CCEE), tem como objetivo contratar novos empreendimentos de fontes hidrelétrica, eólica e termelétrica (carvão, gás natural e biomassa), com início de suprimento da eletricidade em 1º de janeiro de 2024, está suspenso temporariamente por força de liminar judicial.

A decisão do presidente do TRF2 foi tomada após a empresa Evolution Power Partners ter interposto um agravo de instrumento em que pede que a Empresa de Pesquisa Energética (EPE) regularize informação relativa a habilitação técnica para o certame.

Ao suspender o leilão, ontem (30) à noite, o desembargador disse que a medida visava afastar possível violação do princípio da isonomia. Seria salutar permitir aos agentes econômicos o exercício da livre concorrência, que é própria de um regime democrático, com a observância das regras de igualdade para todos os participantes, diz o desembargador na decisão.

O presidente do TRF2 determinou ainda a abertura de um prazo de 15 dias para que as partes se manifestem.

Edição: Nádia Franco

 

Últimas Notícias

Sul e Sudeste se unem e formam consórcio para ações conjuntas
Copom inicia reunião nesta terça para definir taxa básica de juros
Mercado reduz projeção de crescimento da economia de 2,28% para 2,01%
Atividade econômica tem queda de 0,41% em janeiro, diz BC
Governo lança edital de estudos para concessão de 22 aeroportos
Governo do Rio anuncia rompimento da concessão do Maracanã
Feiras em São Paulo oferecem oportunidades de intercâmbio no exterior
Treze de 16 docentes relataram casos de agressão na escola de Suzano

MAIS NOTICIAS

 

Sul do Chile enfrenta 45 focos de incêndios florestais
 
 
Governo de Minas oferece suporte psicossocial às vítimas de Brumadinho
 
 
Força Nacional de Segurança começa a deixar o Ceará
 
 
Licitação de ônibus em São Paulo tem contratos de R$ 71 bi em 20 anos
 
 
Força Nacional vai atuar em Belém na primeira quinzena de março
 
 
Fiocruz alerta para agravamento de doenças na população após tragédia

 

 
 
 
 


ÚLTIMAS EDIÇÕES DO JORNAL BRASIL EM FOLHAS

 
 




© 2008 - 2017 - BRASIL EM FOLHAS S/A - CENTRAL DE ATENDIMENTO +55 (62) 3040-8212