Pressreader / UOL Banca / Nuvem



Siga, Curta e Compartilhe
#brasilemfolhas - #jonaldodia - #jornaldigital
#jornalbrasil - #newspaperbrazil - #jornalhoje


18 de Jan de 2019 - Jornal em tempo real - Expediente - Publicidade

 

 
Notícias
 Número de linhas fixas de telefone cai cerca de 3% em 12 meses - Jornal Brasil em Folhas
Número de linhas fixas de telefone cai cerca de 3% em 12 meses


O mercado de telefonia fixa no Brasil apresentou um recuo de 2,97% nos últimos 12 meses. De acordo com os números divulgados hoje (6) pela Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel), na comparação de julho de 2018 com o mesmo mês do ano passado, houve uma redução de 1.224.404 linhas. Com isso, o país registrou 40 milhões de assinaturas no mês passado. Na comparação com junho de 2018, a diminuição foi de 180 mil contratos, uma redução de 0,45%.

Segundo a Anatel, a maioria dos assinantes dos serviços de telefonia fixa se concentra nas empresas concessionárias que registram 22.929.173 linhas, enquanto as autorizadas ficaram com 17.118.131 linhas fixas.

Entretanto, em 12 meses, as autorizadas apresentaram um pequeno aumento de 0,22%, somando mais 37.788 linhas e as concessionárias, por sua vez, apresentaram uma redução de 5,22%, com a redução de 1.262.192 linhas. Comparado a junho deste ano, houve queda, em julho, de 25.580, redução de 0,15% nas linhas das autorizadas. Nas concessionárias, a perda foi de 154.920, recuo de 0,67%.

No mês de julho, São Paulo liderou o mercado no segmento das concessionárias com 9.418.433 (41,07%) linhas, uma fatia de 41,07% do mercado. Depois vem o Rio de Janeiro, com 11,2% e 2.570.116 linhas.

O mesmo cenário permanece entre as autorizadas, com São Paulo detendo a maior participação, com 33,15% do mercado e 5.674.670 linhas; em seguida vinha o Rio de Janeiro, com 2.017.907 e participação de 11,78%.

Entre as empresas, no mês de julho deste ano, a Oi liderou o mercado das concessionárias com 12.774.172 linhas e participação de 55,71% das linhas. Em seguida vem a Telefônica, com 9.237.824 linhas e 40,28% do mercado. A Algar Telecom, com 755.698 e 3,29% de participação vem em terceiro. Sercomtel, com 159.623 (0,69%); e Claro, com 1.856 (0,08%) completam o ranking.

Entre as autorizadas, a Claro apresenta a maior fatia do mercado com 62,25% e 10.656.489 linhas; A Telefônica ocupa o segundo lugar com 4.776.937 e 27,9% de participação. A TIM é a terceira com 4,6% do mercado e 787,560 linhas. Algar Telecom, 405.399 (2,36%); Sercomtel, 92.688 (0,54%); Cabo, 35.580 (0,20%); e Oi, 171.313 (0,01%), fecham a lista.

Edição: Lílian Beraldo

 

Últimas Notícias

Inep divulga resultado do Enem
Frédéric Lamotte é o novo diretor geral da CA Indosuez Wealth (Miami) e responsável Global da região das Américas
A ACIRLAG chega para impulsionar o setor econômico da região Leste de Aparecida
Inep divulga notas do Enem na sexta-feira
Bolsonaro sanciona Lei do Orçamento 2019 de mais de R$ 3,3 trilhões
Parlamento venezuelano aprova acordo para entrada de ajuda humanitária
Imigrantes hondurenhos sofrem com obstáculos para passagem de caravana
Militares vão atuar de forma mais intensa no Programa Mais Médicos

MAIS NOTICIAS

 

ANP aprova credenciamento de empresa certificadora
 
 
Política de combate à inflação foi bem-sucedida, diz presidente do BC
 
 
Marcos Pontes: fusão de Embraer e Boeing preserva interesses do país
 
 
Número de linhas de celular tem maior queda do ano em novembro
 
 
ANP: Petrobras pede prazo maior para definir quais campos vai explorar
 
 
Ex-presidente do Banco Central defende política econômica do governo

 

 
 
 
 


ÚLTIMAS EDIÇÕES DO JORNAL BRASIL EM FOLHAS

 
 




© 2008 - 2017 - BRASIL EM FOLHAS S/A - CENTRAL DE ATENDIMENTO +55 (62) 3040-8212