Pressreader / UOL Banca / Nuvem



Siga, Curta e Compartilhe
#brasilemfolhas - #jonaldodia - #jornaldigital
#jornalbrasil - #newspaperbrazil - #jornalhoje


19 de Dez de 2018 - Jornal em tempo real - Expediente - Publicidade

 

 
Notícias
 MEC pede alteração do início do horário de verão por conta do Enem - Jornal Brasil em Folhas
MEC pede alteração do início do horário de verão por conta do Enem


O Ministério da Educação (MEC) solicitou ao presidente Michel Temer o adiamento do início do horário de verão em razão das provas do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem). O horário de verão está previsto para iniciar no dia 4 de novembro, data marcada para a realização do primeiro domingo de provas do exame.

Com o início do horário de verão, os relógios em dez estados e no Distrito Federal devem ser adiantados em uma hora. A avaliação do MEC é que a alteração no horário poderia gerar confusão, fazendo com que candidatos possam perder o exame por conta da alteração no horário.

As datas das provas do Enem foram divulgadas pelo Ministério da Educação (MEC) em 18 de janeiro deste ano para os dias 4 e 11 de novembro. No dia 4, serão aplicadas as questões de linguagem, ciências humanas e redação, com duração prevista de 5h30. No dia 11, será a vez das questões envolvendo ciências da natureza e matemática, com duração de 5h. A abertura dos portões será às 12h e o fechamento, às 13h.

Tradicionalmente, o horário de verão tem início partir da meia-noite do terceiro domingo de outubro. Mas, um decreto do dia 15 de dezembro do ano passado, alterou a data, definindo que o início do horário de verão ocorra no primeiro domingo de novembro.

A alteração atendeu a um pedido do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) que havia solicitado que a mudança não coincidisse com o segundo turno das eleições deste ano, marcado para 28 de outubro.

O tribunal argumentou que a alteração visava dar mais agilidade na apuração e divulgação dos resultados das eleições. Segundo o TSE, a realização do segundo turno durante o horário de verão teria o início das apurações com horários diferentes em alguns estados que não implantam o horário de verão.

Ainda não há uma resposta do Palácio do Planalto a respeito do pedido do MEC. O Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep) não discute a possibilidade de alterar das datas das provas. Caso o pedido não seja acatado, o horário de verão começará à 0h do dia 4 de novembro e terminará em 16 de fevereiro de 2019.

Durante este período, os relógios serão adiantados em uma hora nos municípios dos estados de Espírito Santo, Goiás, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul , Minas Gerais, Paraná, Rio de Janeiro, Rio Grande do Sul, Santa Catarina, São Paulo e Distrito Federal.

Edição: Fábio Massalli

 

Últimas Notícias

Receita paga hoje as restituições do último lote do IRPF 2018
Mercado mantém estimativa de inflação em 3,71% este ano
BC anuncia que atividade econômica cresce 0,02% em outubro
Embraer e Boeing aprovam termos para fusão
Leilão da Ceal é adiado para o dia 28 de dezembro
Tesouro quitou no ano R$ 4,19 bi de estados e municípios inadimplentes
Paulo Guedes diz que pretende cortar até 50% das verbas do Sistema S
Com intervenção do BC, dólar começa semana em queda

MAIS NOTICIAS

 

Paulo Guedes diz que pretende cortar até 50% das verbas do Sistema S
 
 
Documentos de Ghosn são recolhidos de apartamento em Copacabana
 
 
COP24: países definem regras para implementar Acordo de Paris
 
 
Crise na Nicarágua se agrava, diz Comissão de Direitos Humanos da OEA
 
 
Regulamentação do mercado de carbono será decidida somente na COP 25
 
 
Coreia do Norte adverte EUA que sanções podem impedir desnuclearização

 

 
 
 
 


ÚLTIMAS EDIÇÕES DO JORNAL BRASIL EM FOLHAS

 
 




© 2008 - 2019 - BRASIL EM FOLHAS S/A - CENTRAL DE ATENDIMENTO +55 (62) 3040-8212