Pressreader / UOL Banca / Nuvem



Siga, Curta e Compartilhe
#brasilemfolhas - #jonaldodia - #jornaldigital
#jornalbrasil - #newspaperbrazil - #jornalhoje


20 de Abr de 2019 - Jornal em tempo real - Expediente - Publicidade

 

 
Notícias
 Petrópolis decide pelo fim de charretes puxadas a cavalo - Jornal Brasil em Folhas
Petrópolis decide pelo fim de charretes puxadas a cavalo


Por 68,58% de votos contra e 31,42% a favor, moradores de Petrópolis decidiram pelo fim das charretes puxadas a cavalo na cidade. Além de votarem para presidente, governador, senadores, deputado federal e estadual, os moradores também decidiram, em plebiscito, sobre o destino das charretes, conhecidas como vitórias.

O plebiscito movimento as redes sociais e ruas da cidade. Os defensores dos animais, contrários às charretes no município da região serrana do Rio de Janeiro que ficam perto do Museu Imperial, conseguiram o apoio de vários artistas que manifestaram nas redes sociais. Os grupos que queriam a manutenção das charretes chegaram a divulgar um vídeo em que uma mulher puxa a charrete, com cinco pessoas em cima, para mostrar que os cavalos não fazem um trabalho penoso.

O plebiscito foi convocado pela Câmara de Vereadores após proposta formulada pelo vereador Reinaldo Meirelles. Por determinação do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), as urnas do município foram preparadas para receber a votação extra.

Atualmente, 13 “vitórias”, que circulam no centro histórico da cidade, estão cadastradas na prefeitura, e usam 39 cavalos, em escala de revezamento.

Segundo o presidente da Comissão de Proteção e Defesa dos Animais da Ordem dos Advogados do Brasil Regional Rio de Janeiro (OAB-RJ), Reynaldo Velloso, agora é preciso avaliar como será a substituição das charretes. “A gente vai ter que abrir o diálogo agora para substituição das charretes a tração animal por charretes elétricas. Nós temos que ver a questão de empregabilidade dos charreteiros, o turismo vai ser dinamizado”, disse à Agência Brasil.

Velloso informou que os cavalos serão abrigados pela organização não governamental Fórum Nacional de Proteção e Defesa Animal, onde serão bem tratados. O presidente da comissão da OAB-RJ avaliou que um veículo alternativo para a charrete pode ser carro ou bonde elétrico.

Edição: Carolina Pimentel

 

Últimas Notícias

Ex-presidente do Peru tenta se matar ao receber ordem de prisão
Ex-presidente do Peru está em estado grave após tentativa de suicídio
Governo argentino lança pacote de medidas para combater inflação
PRF apreende no Rio 300 mil maços de cigarros contrabandeados
Famílias de baixa renda de Brumadinho recebem auxílio emergencial
Governo autoriza uso da Força Nacional para segurança na Esplanada
Chega a 18 número de mortos no desabamento no Rio de Janeiro
Fachin pede manifestação de Moraes sobre inquérito de fake news

MAIS NOTICIAS

 

Copom inicia reunião nesta terça para definir taxa básica de juros
 
 
Mercado reduz projeção de crescimento da economia de 2,28% para 2,01%
 
 
Atividade econômica tem queda de 0,41% em janeiro, diz BC
 
 
Governo lança edital de estudos para concessão de 22 aeroportos
 
 
Governo do Rio anuncia rompimento da concessão do Maracanã
 
 
Conflitos e segurança poderão contar pontos na avaliação de escolas

 

 
 
 
 


ÚLTIMAS EDIÇÕES DO JORNAL BRASIL EM FOLHAS

 
 




© 2008 - 2019 - BRASIL EM FOLHAS S/A - EXPEDIENTE