Pressreader / UOL Banca / Nuvem



Siga, Curta e Compartilhe
#brasilemfolhas - #jonaldodia - #jornaldigital
#jornalbrasil - #newspaperbrazil - #jornalhoje


22 de Fev de 2019 - Jornal em tempo real - Expediente - Publicidade

 

 
Notícias
 Após votar, Meirelles diz que confia no povo brasileiro - Jornal Brasil em Folhas
Após votar, Meirelles diz que confia no povo brasileiro


O candidato à Presidência da República pelo MDB, Henrique Meirelles, votou por volta das 9h40 da manhã, no Colégio Rio Branco, no bairro de Higiénópolis, região central da capital paulista. Ele estava acompanhado do candidato a governador do estado de São Paulo, Paulo Skaf. Depois de registrar seu voto na urna eletrônica, Meirelles fez o sinal de vitória e disse que isso representava a confiança no povo brasileiro e na democracia.

“O Brasil hoje está exercendo o grande direito de votar e como já dizia a sabedoria política brasileira de algumas décadas, eleição e mineração só depois da apuração. Então nós estamos empenhados principalmente em levar a mensagem que é principalmente a da verdade. Nossa grande ideia, nessa eleição, é a de que eu posso não ganhar seu voto, mas vou ganhar seu respeito. Isso é fundamental. O que o Brasil está precisando no momento é respeito”, disse.

Meirelles destacou que o país precisa de respeito aos direitos fundamentais, a uma vida digna e ao governo, principalmente às finanças públicas, ao dinheiro do povo. “Não existe dinheiro do governo. O dinheiro do governo é do povo. Temos que tratar o dinheiro do povo, do governo, da mesma maneira que cada um trata o dinheiro na sua casa”.

Segundo ele, sua mensagem fundamental é a de competência para que o povo volte a acreditar no Brasil, no governo e nos governantes, sem que as eleições sejam um momento de tentar apenas evitar o pior.

“É isso que ofereço ao povo brasileiro. Competência e um resultado concreto de todas as vezes que participei do governo. Nunca tive uma denúncia de corrupção, não tenho nenhum processo. Eu saio desta eleição muito gratificado por todo carinho que recebi no país inteiro, por todo reconhecimento e por todo trabalho já feito no Brasil tirando o país de recessões e trabalhando para melhorar a situação brasileira”, afirmou.

Sobre a possibilidade de apoiar o candidato do PSL, Jair Bolsonaro, em um eventual segundo turno, Meirelles, afirmou que no momento está fazendo seu trabalho e aguardando o “pronunciamento do povo por meio das eleições sem tomar decisões antes da hora”. Segundo ele, não há problemas em alguém do partido dele “especular” apoios a um candidato ou outro antes do resultado, já que no segundo turno todos terão que se posicionar.

Edição: Lílian Beraldo

 

Últimas Notícias

Saúde libera recursos para atender moradores da região de Brumadinho
Justiça determina prisão preventiva de acusado de espancar paisagista
Irmão de mulher espancada diz que ainda está chocado com a violência
Flamengo pede mais prazo para decidir sobre indenização de vítimas
Profissionais que atuaram em Brumadinho serão monitorados
Auditores descobrem 158 Kg de cocaína na fronteira com a Bolívia
Governo determina medidas de precaução para barragens em todo o país
Bolsonaro irá ao Congresso entregar texto da reforma da Previdência

MAIS NOTICIAS

 

Sul do Chile enfrenta 45 focos de incêndios florestais
 
 
Governo de Minas oferece suporte psicossocial às vítimas de Brumadinho
 
 
Força Nacional de Segurança começa a deixar o Ceará
 
 
Licitação de ônibus em São Paulo tem contratos de R$ 71 bi em 20 anos
 
 
Força Nacional vai atuar em Belém na primeira quinzena de março
 
 
Fiocruz alerta para agravamento de doenças na população após tragédia

 

 
 
 
 


ÚLTIMAS EDIÇÕES DO JORNAL BRASIL EM FOLHAS

 
 




© 2008 - 2017 - BRASIL EM FOLHAS S/A - CENTRAL DE ATENDIMENTO +55 (62) 3040-8212