Pressreader / UOL Banca / Nuvem



Siga, Curta e Compartilhe
#brasilemfolhas - #jonaldodia - #jornaldigital
#jornalbrasil - #newspaperbrazil - #jornalhoje


18 de Mar de 2019 - Jornal em tempo real - Expediente - Publicidade

 

 
Notícias
 BNDES financiará concessão da Rodovia de Integração do Sul - Jornal Brasil em Folhas
BNDES financiará concessão da Rodovia de Integração do Sul


O vencedor da licitação para a concessão da Rodovia de Integração do Sul (RIS), composta por trechos das principais estradas do Rio Grande do Sul, marcada para o dia 1º de novembro próximo, na B3, contará com financiamento do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES). As condições financeiras aos investimentos efetuados pela concessionária vencedora foram anunciadas hoje (8) e preveem participação máxima do BNDES de até 80% do valor dos investimentos, limitada a 100% dos itens financiáveis. O prazo total de financiamento é de até 25 anos.

Os financiamentos iguais ou superiores a R$ 10 milhões, contratados diretamente com o BNDES, terão custo financeiro igual à Taxa de Longo Prazo (TLP), fixada em 7,40% ao ano para este mês de outubro, mais remuneração básica do banco de 1,3% ao ano e taxa de risco de crédito.

Já nas operações indiretas, cujo financiamento é efetuado por meio da rede credenciada do BNDES, além do custo financeiro e da remuneração básica do banco, devem ser acrescidas a taxa de intermediação financeira de 0,15% ao ano e a remuneração da instituição credenciada, negociada entre essa instituição e o cliente. A assessoria de imprensa do BNDES esclareceu que para os empréstimos com valor inferior a R$ 10 milhões valerão as condições do programa BNDES Automático.

Perspectivas

A perspectiva do governo federal é que sejam investidos pela concessionária R$ 13,4 bilhões nos 30 anos de concessão da rodovia, divididos em investimentos de R$ 7,8 bilhões e melhorias, de R$ 5,6 bilhões, em custos operacionais.

O edital de licitação foi publicado pela Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT) em julho passado. As propostas dos investidores interessados deverão ser recebidas no dia 30 de outubro. A homologação do resultado deverá ocorrer no dia 5 de dezembro. A recuperação de toda a rodovia é esperada entre o segundo e o quinto ano de concessão, informou o BNDES.

A Rodovia de Integração do Sul tem 473,4 quilômetros de extensão e sete praças de pedágio.

Edição: Fernando Fraga

 

Últimas Notícias

Receita cria chat para regularizar débitos de pessoas físicas
MP facilita registro de empresas nas juntas comerciais
Mudança em servidor foi a causa de instabilidade ontem, diz Facebook
Corte de pessoal gera economia de R$ 200 milhões, afirma presidente
TCU pede informações antes de decidir sobre leilão de ferrovia
Leilão de aeroportos testa novo modelo em blocos
Pretendentes já ofertaram R$ 2,3 bi no leilão de aeroportos
Aeroportos foram arrematados com ágio médio de 986%

MAIS NOTICIAS

 

Sul do Chile enfrenta 45 focos de incêndios florestais
 
 
Governo de Minas oferece suporte psicossocial às vítimas de Brumadinho
 
 
Força Nacional de Segurança começa a deixar o Ceará
 
 
Licitação de ônibus em São Paulo tem contratos de R$ 71 bi em 20 anos
 
 
Força Nacional vai atuar em Belém na primeira quinzena de março
 
 
Fiocruz alerta para agravamento de doenças na população após tragédia

 

 
 
 
 


ÚLTIMAS EDIÇÕES DO JORNAL BRASIL EM FOLHAS

 
 




© 2008 - 2017 - BRASIL EM FOLHAS S/A - CENTRAL DE ATENDIMENTO +55 (62) 3040-8212