Pressreader / UOL Banca / Nuvem



Siga, Curta e Compartilhe
#brasilemfolhas - #jonaldodia - #jornaldigital
#jornalbrasil - #newspaperbrazil - #jornalhoje


13 de Dez de 2018 - Jornal em tempo real - Expediente - Publicidade

 

 
Notícias
 Telefonia fixa no país tem redução de 4,42% em 12 meses - Jornal Brasil em Folhas
Telefonia fixa no país tem redução de 4,42% em 12 meses


O número de linhas telefônicas fixas no país apresentou uma redução de 4,42% em 12 meses. De acordo com os dados divulgados hoje (9) pela Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel), o Brasil registrou 39.112.393 linhas fixas em operação no mês de agosto de 2018, o que representa 1.810.123 linhas a menos do que o registrado em agosto do ano passado. Em relação ao mês anterior, agosto apresentou diminuição de 233.113 unidades, redução de 0,59% no número de linhas.

Do total de linhas fixas, 16.711.948 foram registradas pelas autorizadas e 22.400.445 pelas concessionárias. Em 12 meses, as autorizadas tiveram redução de 207.086 linhas, queda de 1,22% e as concessionárias perda de 1.603.037 linhas, menos 6,68%. Na comparação com julho deste ano, houve diminuição de 80.264 linhas, queda de 0,48% entre as autorizadas e nas concessionárias a redução foi de 152.849 linhas, menos 0,68%.

Empresas

A Claro é a empresa que lidera o mercado das autorizadas com 10.607.185 linhas, o que representa uma fatia de 63,47% de participação. Em seguida vem a Telefônica com 4.422.542 de linhas e fatia de 26,46%; Telecom Itália (TIM) com 767.060 linhas e 4,59% do mercado; Algar (CTBC Telecom) com 421.146 e participação de 2,52% e a Oi que com 171.645 de linhas tem 1,03% do mercado.

A empresa, por sua vez, lidera no segmento das concessionárias, com 12.684.520 linhas e 56,63% do mercado. Em seguida vem a Telefônica com 8.800.959 de linhas e 39,29%; depois a Algar com 754.594 linhas e 3,37% de participação. A Sercomtel vem em quarto com 158.515 linhas e 0,71% e a Claro aparece com 1.857 linhas e 0,01% do mercado.
Estados

No mês de agosto, entre as autorizadas, o estado de São Paulo manteve o maior quantitativo de linhas fixas com 5.650.847 unidades, uma participação de 33,81%. Em seguida vem o Rio de Janeiro com 1.987.545 e 11,89%. A mesma situação se mantém entre as concessionárias, com São Paulo apresentando 8.980.886 linhas, 40,09% do total e o Rio de Janeiro com 2.540.089 linhas e 11,34%.

Edição: Fernando Fraga

 

Últimas Notícias

Deputado Marlúcio entrega título de Cidadã Goiana a cantora Joelma
Fundo Nacional do Idoso é aprovado na Câmara
Aval do TCU é suficiente para cessão onerosa, dizem técnicos da Corte
Acordo possibilitará investimentos privados em segurança pública
Vazamento de óleo afetará reprodução da fauna em mangue, diz ONG
Temer e Bolsonaro lamentam tragédia em Campinas
Jungmann coloca PF à disposição para apuração de caso de Campinas
Ministro da Cultura inicia comemorações aos 200 anos da independência

MAIS NOTICIAS

 

Novo crediário para cartão é estudado para 2019, diz Febraban
 
 
Demanda por bens industriais cresce 0,3% em outubro
 
 
Diálogo Brasil debate projeto Escola sem Partido
 
 
Brasileiro é eleito para Associação Internacional de Seguridade Social
 
 
Polícia e MP de Goiás vão apurar denúncias contra médium João de Deus
 
 
ONG homenageia policiais militares mortos no estado do Rio

 

 
 
 
 


ÚLTIMAS EDIÇÕES DO JORNAL BRASIL EM FOLHAS

 
 




© 2008 - 2019 - BRASIL EM FOLHAS S/A - CENTRAL DE ATENDIMENTO +55 (62) 3040-8212