Pressreader / UOL Banca / Nuvem



Siga, Curta e Compartilhe
#brasilemfolhas - #jonaldodia - #jornaldigital
#jornalbrasil - #newspaperbrazil - #jornalhoje


18 de Mar de 2019 - Jornal em tempo real - Expediente - Publicidade

 

 
Notícias
 Exército faz acordo para ações sociais em comunidades do Rio - Jornal Brasil em Folhas
Exército faz acordo para ações sociais em comunidades do Rio


O Gabinete de Intervenção Federal (GIF) na segurança pública do Rio de Janeiro assinou hoje (10) acordo de cooperação com o Sesc e com o Senac do Rio para proporcionar atividades sociais, de educação e de lazer para os moradores das comunidades do Rio na área de atuação do Comando Militar do Leste (CML).

Em complemento à atuação das Forças Armadas, o Sesc e o Senac terão o objetivo de contribuir na melhoria da qualidade de vida dos moradores dessas comunidades com a realização de atividades sociais, de cultura, esporte e lazer, além de estimular a empregabilidade, com projetos de capacitação profissional. A expectativa é atingir, diretamente, cerca de 50 mil pessoas em cada comunidade onde o projeto for implementado.

Na atuação junto às comunidades, o primeiro passo será a identificação das regiões-piloto e a realização de um diagnóstico junto aos atores locais para ouvir e mapear as demandas e necessidades da população. As temáticas a serem debatidas serão propostas de acordo com o perfil de cada localidade e das pessoas envolvidas no trabalho.

Entre as iniciativas previstas, estão oficinas, cursos, palestras e outras atividades para as instituições sociais e moradores, como atividades de educação ambiental, atividades com crianças, jovens e idosos, oficinas de geração de renda, ações comunitárias e eventos, visando a integração e a articulação em redes voltadas para ações transformadoras. A última etapa consiste na avaliação e ajuste das ações realizadas para a continuidade do projeto.

De acordo com o general Braga Netto, o acordo contempla parceria com a Secretaria de Estado de Administração Penitenciária (Seap) para a realização de projetos de capacitação profissional e inclusão social dos internos do sistema penitenciário. O projeto Trilhando o Futuro vai oferecer cursos de capacitação profissional e de estímulo ao empreendedorismo para internos do Departamento Geral de Ações Sócio Educativas (Degase) e detentos do Complexo Penitenciário de Bangu. A expectativa inicial é atender 1.100 alunos.

Também serão oferecidos cursos de capacitação profissional para militares, prioritariamente do Serviço Militar, visando sua inclusão no mercado de trabalho após deixarem o Exército.

Edição: Fábio Massalli

 

Últimas Notícias

Receita cria chat para regularizar débitos de pessoas físicas
MP facilita registro de empresas nas juntas comerciais
Mudança em servidor foi a causa de instabilidade ontem, diz Facebook
Corte de pessoal gera economia de R$ 200 milhões, afirma presidente
TCU pede informações antes de decidir sobre leilão de ferrovia
Leilão de aeroportos testa novo modelo em blocos
Pretendentes já ofertaram R$ 2,3 bi no leilão de aeroportos
Aeroportos foram arrematados com ágio médio de 986%

MAIS NOTICIAS

 

Sul do Chile enfrenta 45 focos de incêndios florestais
 
 
Governo de Minas oferece suporte psicossocial às vítimas de Brumadinho
 
 
Força Nacional de Segurança começa a deixar o Ceará
 
 
Licitação de ônibus em São Paulo tem contratos de R$ 71 bi em 20 anos
 
 
Força Nacional vai atuar em Belém na primeira quinzena de março
 
 
Fiocruz alerta para agravamento de doenças na população após tragédia

 

 
 
 
 


ÚLTIMAS EDIÇÕES DO JORNAL BRASIL EM FOLHAS

 
 




© 2008 - 2017 - BRASIL EM FOLHAS S/A - CENTRAL DE ATENDIMENTO +55 (62) 3040-8212