Pressreader / UOL Banca / Nuvem



Siga, Curta e Compartilhe
#brasilemfolhas - #jonaldodia - #jornaldigital
#jornalbrasil - #newspaperbrazil - #jornalhoje


10 de Dez de 2018 - Jornal em tempo real - Expediente - Publicidade

 

 
Notícias
 Ibama multa propriedades rurais por desmatamento da Caatinga no Ceará - Jornal Brasil em Folhas
Ibama multa propriedades rurais por desmatamento da Caatinga no Ceará


Equipes de fiscalização do Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (Ibama) embargaram 34 propriedades rurais no interior do Ceará e aplicaram mais de R$ 1 milhão em multas pelo desmatamento de áreas do bioma Caatinga.

Os dados são resultado da Operação Caatinga, que aconteceu entre os dias 19 e 30 de novembro nos municípios de Acopiara, Iguatu, Jucás, Mombaça, Piquet Carneiro, Quixelô e Saboeiro, localizados nos sertões e no sul cearenses.

Segundo o chefe da Divisão Técnico-Ambiental do Ibama no Ceará, Miller Holanda Câmara, essa é a segunda operação dedicada a verificar o desmatamento da caatinga. A primeira ocorreu em 2017. O órgão no estado realiza há dois anos o monitoramento do território cearense via satélite e cria polígonos para a fiscalização in loco.

As áreas desmatadas sem autorização que foram visitadas pelos fiscais do Ibama na Operação Caatinga somam mais de 800 hectares. Miller conta que apenas uma propriedade teve mais de 150 hectares de área desmatada. “É uma área muito grande para ter vegetação suprimida sem licenciamento”, explica.

Cada autuação realizada pelos fiscais, conforme Câmara, gera um processo no Ibama. A partir daí, será possível saber quais propriedades podem ser regularizadas e quais não são objeto de licenciamento (a exemplo de áreas de preservação ambiental).

“Observamos que as pessoas que desmatam as áreas para instalar seus empreendimentos não buscam o licenciamento ambiental. Parece uma constante. Alguns, nós verificamos que estão licenciados, mas a maioria dos alvos de fiscalização não estão. Por isso, nosso trabalho também é feito no sentido de trazer esses produtores rurais para a legalidade”, enfatiza.

Edição: Davi Oliveira

 

Últimas Notícias

Petrobras demite funcionários com prisão decretada na Lava Jato
Porto de Santos movimenta 110 milhões de toneladas de carga em 2018
Alimentos da cesta básica estão mais caros em 16 capitais brasileiras
Vendas internas de veículos novos têm melhor resultado desde 2015
BNDES lança programa para atender startups
Mercosul e UE retomam negociação com expectativa de acordo até março
Poupança tem menor captação para meses de novembro em três anos
Toma posse diretoria da nova Agência Reguladora de Mineração

MAIS NOTICIAS

 

Moro reafirma “confiança pessoal” em Onyx
 
 
Após discussão, votação do Escola sem Partido em comissão é suspensa
 
 
Senado aprova projeto que congela distribuição de recursos do FPM
 
 
Crediário e cartão são os maiores responsáveis pela inadimplência
 
 
Balança comercial tem segundo melhor superávit para meses de novembro
 
 
Enel anuncia R$ 3,1 bi em distribuição de energia em São Paulo

 


 
 
 
 


ÚLTIMAS EDIÇÕES DO JORNAL BRASIL EM FOLHAS

 
 




© 2008 - 2019 - BRASIL EM FOLHAS S/A - CENTRAL DE ATENDIMENTO +55 (62) 3040-8212