Pressreader / UOL Banca / Nuvem



Siga, Curta e Compartilhe
#brasilemfolhas - #jonaldodia - #jornaldigital
#jornalbrasil - #newspaperbrazil - #jornalhoje


18 de Mar de 2019 - Jornal em tempo real - Expediente - Publicidade

 

 
Notícias
 Governo pode ter até 350 deputados na base, diz Maia - Jornal Brasil em Folhas
Governo pode ter até 350 deputados na base, diz Maia


Reeleito há quatro dias para a presidência da Câmara dos Deputados, o deputado Rodrigo Maia (DEM-RJ) disse que o governo tem condição de conseguir até 350 deputados na base aliada. Depois de reunir-se com o ministro da Economia, Paulo Guedes, ele disse que o tamanho da base está em construção porque a articulação política ainda não começou. Essa maioria é importante para a aprovação de matérias de interesse do governo, como a reforma da Previdência.

De acordo com Maia, a estimativa de 350 deputados deve-se à diferença entre o número total de deputados (513) menos os 140 parlamentares da oposição na Casa. Essa conta contemplaria 23 deputados independentes. O presidente da Câmara disse que o processo de formação de maioria na base do governo começou com atraso por causa da decisão do presidente Jair Bolsonaro de não se envolver diretamente nas eleições para o comando da Câmara e do Senado.

“Eu sei que isso é uma construção que está começando agora. As eleições para presidente da Câmara e do Senado seguraram as articulações do governo. O presidente, como prometeu não participar do processo eleitoral da Câmara e do Senado, posição 100% correta, e a qual agradeço muito, publicamente, ela também gerou um atraso na formação da maioria do governo”, disse Maia.

Maia classificou de “democrática” a atitude de Bolsonaro durante a campanha para as presidências da Câmara e do Senado e disse que agora é urgente iniciar os trabalhos de articulação. Ele acrescentou que a articulação da maioria dependerá do engajamento de todos os partidos da base aliada.

“Tem condição de construir [uma maioria de 350 deputados], compreendendo que todos os partidos, no nosso campo, são importantes. Não tem um partido, nesse processo, que não seja importante”, declarou.

Edição: Fernando Fraga

 

Últimas Notícias

Receita cria chat para regularizar débitos de pessoas físicas
MP facilita registro de empresas nas juntas comerciais
Mudança em servidor foi a causa de instabilidade ontem, diz Facebook
Corte de pessoal gera economia de R$ 200 milhões, afirma presidente
TCU pede informações antes de decidir sobre leilão de ferrovia
Leilão de aeroportos testa novo modelo em blocos
Pretendentes já ofertaram R$ 2,3 bi no leilão de aeroportos
Aeroportos foram arrematados com ágio médio de 986%

MAIS NOTICIAS

 

Sul do Chile enfrenta 45 focos de incêndios florestais
 
 
Governo de Minas oferece suporte psicossocial às vítimas de Brumadinho
 
 
Força Nacional de Segurança começa a deixar o Ceará
 
 
Licitação de ônibus em São Paulo tem contratos de R$ 71 bi em 20 anos
 
 
Força Nacional vai atuar em Belém na primeira quinzena de março
 
 
Fiocruz alerta para agravamento de doenças na população após tragédia

 

 
 
 
 


ÚLTIMAS EDIÇÕES DO JORNAL BRASIL EM FOLHAS

 
 




© 2008 - 2017 - BRASIL EM FOLHAS S/A - CENTRAL DE ATENDIMENTO +55 (62) 3040-8212