Pressreader / UOL Banca / Nuvem



Siga, Curta e Compartilhe
#brasilemfolhas - #jonaldodia - #jornaldigital
#jornalbrasil - #newspaperbrazil - #jornalhoje


20 de Abr de 2019 - Jornal em tempo real - Expediente - Publicidade

 

 
Notícias
 5 dicas para reduzir o uso de plástico - Jornal Brasil em Folhas
5 dicas para reduzir o uso de plástico


A problemática dos plásticos nos oceanos fica pior a cada ano. Ainda que muitas pessoas estejam trabalhando para despoluir as águas, uma das formas mais efetivas para reduzir a poluição é limitar o uso de plástico. Sendo assim, nesta publicação será possível encontrar 5 dicas no sentido de utilizar cada vez menos este produto tão agressor.
Segundo o Forum Econômico Mundial os oceanos recebem 8 milhões de toneladas por ano. Este montante, além de preocupar, demonstra que alguma ação deve ser realizada para extinguir de vez com a quantidade enorme de lixo jogada nos mares. Inclusive, muitos produtos são nocivos e passam despercebidos pelos pessoas. É o caso do
glitter
, um grande vilão, que em sua maioria é composto de plástico. Mas o que fazer diante de tanta poluição? Quais produtos substituir? Como reduzir ativamente a utilização de plástico?

1 - Substituir a sacola plástica por uma de pano
Usar sacos de pano para carregar mantimentos comprados no supermercado volta à tona. Sim, os bons hábitos do passado podem ser replicados no presente. Esta é uma forma muito indicada para evitar o uso das sacolas plásticas., que representam grande parte da poluição diária deste tipo de resíduo.

2 - Parar de usar canudos
Grande parte dos canudos são produzidos em plástico. Evitar o uso deles vai contribuir imensamente para um futuro mais limpo, sem excesso de dejetos. Somente na Indonésia, por exemplo, acredita-se que o uso diário de canudos seja de 93 milhões. Para aqueles que não abrem mão deste produto já é possível encontrar canudos de vidro, ou ainda de metal.

3 - Usar um carrinho de compras pessoal
Aquele hábito antigo de gerações passadas de ir à feira com o carrinho de frutas é bastante recomendado. Desta forma não é preciso utilizar sacolas ou demais materiais plásticos.

4 - Utilizar caneca
Substituir aquele copo descartável por uma caneca de porcelana ou de metal é uma atitude que vai contribuir demais. Uma média diária de 8 copos de água no final de um mês soa como muito lixo gerado apenas por uma pessoa. O simples fato de deixar uma caneca no escritório ou espaço de trabalho é bem significante e com certeza vai auxiliar no contexto geral da despoluição.

5 - Evitar excesso de embalagens
Mais um hábito antigo, o de comprar produtos em granel volta a ser avaliado como uma ótima prática no cotidiano presente. Ao comprar alimentos no supermercado, dar preferência a produtos com o menor uso ou uso zero de plástico é um grande passo.
Um levantamento da ONU (Organização das Nações Unidas) demonstrou que em 2050 se a poluição continuar de acordo com os índices atuais, o número de plástico nos oceanos será superior ao número de peixes.
Não existe uma única regra para salvar a humanidade, mas com algumas iniciativas será possível sim obter resultados. É partir para a proatividade, contribuindo desde agora para um futuro melhor. Qualquer atividade realizada por adultos do presente será mais do que um exemplo, mas talvez um suspiro salvador para as próximas gerações.

 

Últimas Notícias

Ex-presidente do Peru tenta se matar ao receber ordem de prisão
Ex-presidente do Peru está em estado grave após tentativa de suicídio
Governo argentino lança pacote de medidas para combater inflação
PRF apreende no Rio 300 mil maços de cigarros contrabandeados
Famílias de baixa renda de Brumadinho recebem auxílio emergencial
Governo autoriza uso da Força Nacional para segurança na Esplanada
Chega a 18 número de mortos no desabamento no Rio de Janeiro
Fachin pede manifestação de Moraes sobre inquérito de fake news

MAIS NOTICIAS

 

Copom inicia reunião nesta terça para definir taxa básica de juros
 
 
Mercado reduz projeção de crescimento da economia de 2,28% para 2,01%
 
 
Atividade econômica tem queda de 0,41% em janeiro, diz BC
 
 
Governo lança edital de estudos para concessão de 22 aeroportos
 
 
Governo do Rio anuncia rompimento da concessão do Maracanã
 
 
Conflitos e segurança poderão contar pontos na avaliação de escolas

 

 
 
 
 


ÚLTIMAS EDIÇÕES DO JORNAL BRASIL EM FOLHAS

 
 




© 2008 - 2019 - BRASIL EM FOLHAS S/A - EXPEDIENTE