Assine Brasil em Folhas / Nuvem / Pressreader



Siga, Curta e Compartilhe
#brasilemfolhas - #jonaldodia - #jornaldigital
#jornalbrasil - #newspaperbrazil - #jornalhoje


24 de Sep de 2018 - Jornal em tempo real - Expediente - Publicidade
 

...

...

 
Notícias
 Japão descarta tsunami após forte terremoto no sul do país - Jornal Brasil em Folhas
Japão descarta tsunami após forte terremoto no sul do país


A Agência Meteorológica do Japão descartou nesta sexta-feira a possibilidade de um tsunami no litoral sul do país depois que um forte terremoto de 7 graus na escala Richter, o segundo em dois dias, atingiu a região durante a madrugada.

As autoridades japonesas tinham dado aviso de um possível tsunami com ondas de um metro depois do terremoto que aconteceu às 1h25 local (13h25, de Brasília na sexta-feira) e cujo epicentro se situou a um quilômetro de Kumamoto, uma cidade de mais de 700 mil habitantes situada no litoral ocidental da ilha de Kyushu.

No entanto, o alerta de tsunami foi cancelado aproximadamente uma hora depois, segundo a rede de televisão japonesa NHK.

Os serviços de emergência japoneses é responsável pelo resgate na região após receber chamadas de cidadãos que sofreram danos, informou a NHK, à espera de que sejam avaliadas as consequências.

O terremoto de hoje aconteceu um dia depois que outro terremoto de 6,5 na escala Richter foi sentido na noite de quinta-feira no sudoeste do país e deixou pelo menos nove mortos e 1.126 feridos.

O de ontem foi o tremor mais forte no país asiático desde o que gerou o tsunami de 2011, no qual morreram mais de 18 mil pessoas, além de ter provocado um desastre nuclear na central de Fukushima.

A usina nuclear de Sendai, que é a única atualmente em operação no Japão, fica cerca de 120 quilômetros de onde ocorreu o terremoto de hoje.

O terremoto da quinta-feira deixou nove mortos, quatro homens e cinco mulheres, que faleceram em acidentes causados pelo terremoto no distrito de Mashiki (8) e na cidade de Kumamoto (1).

O sismo também deixou 1.126 feridos de 13 municípios e 44,4 mil pessoas foram evacuadas, das quais 16 mil procedentes de 18 localidades ainda permanecem fora de suas casas, segundo os dados mais recentes oferecidos pelas autoridades japonesas.

O primeiro-ministro do Japão, Shinzo Abe, deve viajar neste sábado à zona afetada pelo terremoto para visitar alguns dos afetados.

 

Últimas Notícias

Varejo perde R$ 19,5 bilhões em 2017 por danos em produtos e furtos
A partir deste sábado, candidatos só podem ser presos em flagrante
Brasileiros não se sentem prontos para lidar com a morte, diz pesquisa
Aos 95 anos, Gervásio Baptista recebe Medalha do Mérito Jornalístico
PF combate grupo criminoso responsável por contrabando de cigarros
Primavera começa hoje com possibilidade de novo episódio do El Niño
Facebook anuncia medidas para combater contas falsas e desinformação
Polícia Militar faz operação na Rocinha

MAIS NOTICIAS

 

Toffoli toma posse hoje na presidência do STF
 
 
Chanceler do Paraguai visita Brasil para negociar construção de pontes
 
 
Indústria recua em oito dos 15 locais pesquisados pelo IBGE em julho
 
 
Brasil amplia investimento em educação infantil, diz OCDE
 
 
México investiga caso de deputadas forçadas a renunciar
 
 
A série de ataques de 11 de Setembro completa 17 anos

 

 
 
 
 


ÚLTIMAS EDIÇÕES DO JORNAL BRASIL EM FOLHAS

 
 




© 2008 - 2017 - BRASIL EM FOLHAS S/A - CENTRAL DE ATENDIMENTO +55 (62) 3040-8212