Pressreader / UOL Banca / Nuvem



Siga, Curta e Compartilhe
#brasilemfolhas - #jonaldodia - #jornaldigital
#jornalbrasil - #newspaperbrazil - #jornalhoje


22 de Mar de 2019 - Jornal em tempo real - Expediente - Publicidade

 

 
Notícias
 Cúpula Islâmica faz duras críticas ao Irã por apoio ao terrorismo - Jornal Brasil em Folhas
Cúpula Islâmica faz duras críticas ao Irã por apoio ao terrorismo


A cúpula da Organização de Cooperação Islâmica (OCI) se encerrou nesta sexta-feira em Istambul com duras críticas ao Irã por sua intromissão em assuntos nacionais de outros países e pelo apoio do país ao terrorismo.

A declaração final da cúpula, que contou com a presença de líderes de 56 países muçulmanos, critica o Irã por sua interferência em assuntos internos de países da região e outros como Bahrein, Iêmen, Síria e Somália, além do contínuo apoio ao terrorismo.

As duras e explícitas críticas do documento mostram a tensão crescente entre o Irã, de maioria xiita, e a Arábia Saudita, a potência sunita que mais influência está ganhando dentro da OCI.

Em sua 13ª edição, a cúpula da OCI condena as agressões à embaixada e aos consulados sauditas no Irã durante os protestos pela execução de um opositor xiita na Arábia Saudita, assim como a linguagem inflamatória com a qual Teerã denunciou a sentença.

A tensão já tinha sido visível na cúpula, inclusive, diante das câmeras, quando o rei da Arábia Saudita, Salman bin Abdul Aziz, passar sem cumprimentar pelo presidente iraniano, Hassan Rohani.

A Turquia, no entanto, tenta fazer um papel de ponte entre os rivais. Enquanto o monarca saudita permaneceu em Ancara durante três dias em visita oficial, Rohani se reúne hoje com o primeiro-ministro turco, Ahmet Davutoglu, e com o presidente do país, Recep Tayyip Erdogan, amanhã.

Por outro lado, a declaração da cúpula reitera o apoio da OCI a uma solução negociada do conflito sírio, baseado no Comunicado de Genebra, e promete pleno apoio ao governo do Iraque em sua luta contra o grupo terrorista Estado Islâmico (EI).

O texto também respalda a Frente Moro de Libertação Islâmica em sua negociação por autonomia nas Filipinas e pede que Mianmar conceda mais direitos à etnia muçulmana rohingya.

Além disso, critica a política de Israel nos territórios ocupados e condena a milícia xiita libanesa Hezbollah por realizar atividades terroristas em outros países árabes, como a Síria.

Por outro lado, a OCI anunciou hoje a criação de um novo órgão especial, a Organização Islâmica pela Segurança Alimentar, que terá sua sede em Astana, capital do Cazaquistão.

 

Últimas Notícias

Bolsonaro participa no Chile de Cúpula Presidencial Sul-Americana
Sul e Sudeste se unem e formam consórcio para ações conjuntas
Copom inicia reunião nesta terça para definir taxa básica de juros
Mercado reduz projeção de crescimento da economia de 2,28% para 2,01%
Atividade econômica tem queda de 0,41% em janeiro, diz BC
Governo lança edital de estudos para concessão de 22 aeroportos
Governo do Rio anuncia rompimento da concessão do Maracanã
Feiras em São Paulo oferecem oportunidades de intercâmbio no exterior

MAIS NOTICIAS

 

Copom inicia reunião nesta terça para definir taxa básica de juros
 
 
Mercado reduz projeção de crescimento da economia de 2,28% para 2,01%
 
 
Atividade econômica tem queda de 0,41% em janeiro, diz BC
 
 
Governo lança edital de estudos para concessão de 22 aeroportos
 
 
Governo do Rio anuncia rompimento da concessão do Maracanã
 
 
Conflitos e segurança poderão contar pontos na avaliação de escolas

 

 
 
 
 


ÚLTIMAS EDIÇÕES DO JORNAL BRASIL EM FOLHAS

 
 




© 2008 - 2017 - BRASIL EM FOLHAS S/A - CENTRAL DE ATENDIMENTO +55 (62) 3040-8212