Evo Morales diz que a sua reeleição depende da justiça da Bolívia

0 Shares
0
0
0
0

O presidente boliviano, Evo Morales, no poder desde 2006, disse nesta quinta-feira (21) que a possibilidade de se candidatar a um quarto mandato para o período de 2020-2025 está nas mãos do Tribunal Constitucional, mas a oposição teme que ele se reeleja indefinitivamente.

No início de 2016, após Morales perder um referendo no qual buscava aval para tentar se reeleger, seu partido, o Movimento Ao Socialismo (MAS), traçou quatro possibilidades de tentar manter o poder do líder indígena.

Um deles é um recurso para que o Tribunal Constitucional invalide os artigos propostos pela Carta Magna de 2009 que impedem a reeleição de Morales.

A oposição teme que o Tribunal Constitucional sofra influências, uma vez que Morales, em entrevista a Telesur, argumentou que a independência de poderes está a serviço dos imperialistas.

O ex-sindicalista chegou ao poder em 2006 e já ganhou três eleições presidenciais. Nessa última vez, após aprovar uma nova Constituição em 2009.
– BRASIL EM FOLHAS COM AGÊNCIAS DE NOTÍCIAS – I3D 38339

0 Shares
You May Also Like