Sem-teto desocupam portaria do Ministério da Fazenda depois de duas horas

0 Shares
0
0
0
0

Os cerca de 100 militantes do Movimento dos Trabalhadores Sem Teto (MTST) que ocupavam a portaria principal do Ministério da Fazenda deixaram o local por volta das 17h15. A manifestação foi pacífica e terminou sem incidentes.

Desde as 15h, os sem-teto protestavam contra o ajuste fiscal e também pediam o fim do congelamento de recursos do Programa Minha Casa, Minha Vida. Por pouco mais de duas horas, os militantes gritaram palavras de ordem e cantaram hinos na portaria do ministério, que foi fechada. Uma bandeira chegou a ser estendida na marquise do prédio principal, que teve as luzes dos corredores apagadas.

A mobilização fez parte do Dia de Lutas por Teto e Trabalho, que promove manifestações em dez capitais ao longo de toda esta terça-feira (19). Em nota em sua página oficial no Facebook, o MTST reivindica a liberação imediata dos recursos para a contratação das 35 mil moradias previstas no Orçamento de 2017 no Programa Minha Casa, Minha Vida, modalidade entidades. O movimento pede também a ampliação dos recursos para a moradia popular no Orçamento de 2018.

O ministro Henrique Meirelles não está no prédio. Ele e o presidente do Banco Central, Ilan Goldfajn, integram uma comitiva de ministros que estão viajando para Nova York. Eles participarão de seminários e reuniões com investidores internacionais a partir de amanhã (20). – BRASIL EM FOLHAS COM AGÊNCIAS DE NOTÍCIAS – I3D 38232

0 Shares
You May Also Like