Dez civis mortos em novos bombardeios do regime sírio contra Ghuta

Redação Redação

Ao menos 10 civis morreram nesta segunda-feira em bombardeios aéreos e disparos de foguetes do regime sírio contra o reduto rebelde de Ghuta Oriental, perto de Damasco, anunciou a ONG Observatório Sírio dos Direitos Humanos (OSDH).

Entre as vítimas estão nove membros de uma família, incluindo três crianças. Eles morreram em ataques aéreos do regime sírio contra Duma, a principal cidade de Ghuta Oriental, segundo o OSDH.

Os bombardeios prosseguem, apesar da votação no Conselho de Segurança da ONU que aprovou no sábado uma resolução que pede uma trégua em toda a Síria para permitir o envio de ajuda humanitária e a retirada dos feridos graves.

Mas os ataques perderam intensidade na comparação com os bombardeios da semana passada, afirmou o OSDH.

O regime sírio iniciou em 18 de fevereiro uma intensa campanha contra Ghuta Oriental, último reduto rebelde nas proximidades de Damasco, prelúdio segundo a imprensa estatal síria de uma ofensiva terrestre para reconquistar este território.

Em sete dias de bombardeios, mais de 500 pessoas morreram, segundo o OSDH. – BRASIL EM FOLHAS COM AGÊNCIAS DE NOTÍCIAS – I3D 53453

A BRASIL EM FOLHAS utiliza cookies e tecnologias semelhantes, como explicado em nossa Política de Privacidade, para recomendar conteúdo e publicidade. Ao navegar por nosso conteúdo, o usuário aceita tais condições. Aceitar Consulte mais informação

Política de Privacidade e Cookies