Lideranças femininas recebem certificado de reconhecimento do governo

Redação Redação

O governador Rodrigo Rollemberg entregou, na tarde desta sexta-feira (16), cinco certificados de reconhecimento a lideranças femininas pela contribuição delas à sociedade. A cerimônia ocorreu no Palácio do Buriti.

No dia 8, o governador já havia entregue o certificado a outras dez mulheres. “Eu queria agradecer, em nome da população de Brasília, a contribuição e o trabalho de todas vocês”, disse ele.

A professora aposentada Dinorá Couto foi uma das homenageadas. Fundadora da Biblioteca Braille Dorina Nowill, em 1995, em Taguatinga, hoje ela é voluntária na instituição.

Dinorá também criou a primeira Academia Inclusiva de Autores Brasilienses. Ela ministra oficinas de leitura em visitas às escolas de Brasília, nas quais também fala dos espaços que criou.

A coronel do Exército Carla Beatriz Medeiros de Souza foi outra agraciada. Ela demonstrou surpresa com a homenagem. “É um importante reconhecimento. Fico feliz de terem escolhido uma mulher militar.”

É um reconhecimento importante. Fico feliz de terem escolhido uma mulher militarCarla Beatriz Medeiros de Souza, coronel do Exército Brasileiro

Carla integrou a primeira turma de formação com mulheres no Exército e também foi pioneira no posto de coronel. Ela foi ainda a única militar brasileira a participar da missão de paz no Haiti.

O reconhecimento foi dado ainda à professora Regina Aparecida, especialista em educação infantil há 47 anos. “Vou coroar minha estada na Secretaria de Educação com chave de ouro”, disse, ao se referir ao certificado e ao último ano em que ficará na pasta.

A terceira professora a receber a homenagem foi Maria Rosane Marques, que desenvolveu o projeto Em defesa do Córrego Guará, premiado internacionalmente, que será apresentado durante o 8º Fórum Mundial da Água.

O evento ocorrerá em Brasília de 18 a 23 de março, no Estádio Nacional de Brasília Mané Garrincha e no Centro de Convenções Ulysses Guimarães.

A chefe da Delegacia Especial de Atendimento à Mulher, Sandra Gomes Melo, também foi agraciada com o certificado. Delegada há 22 anos, ela implementou a Lei Maria da Penha em Brasília e instituiu os protocolos de atendimento as vítimas de violência doméstica.

Edição: Vannildo mendes – BRASIL EM FOLHAS COM AGÊNCIAS DE NOTÍCIAS – I3D 56374

A BRASIL EM FOLHAS utiliza cookies e tecnologias semelhantes, como explicado em nossa Política de Privacidade, para recomendar conteúdo e publicidade. Ao navegar por nosso conteúdo, o usuário aceita tais condições. Aceitar Consulte mais informação

Política de Privacidade e Cookies