Mesmo após queda no lucro, Bradesco recomenda compra de ação por mercado aquecido com juros baixos

0 Shares
0
0
0
0

SÃO PAULO – A equipe de análise do Bradesco BBI manteve sua recomendação de compra para as ações da B3 (BVMF3) após a empresa ter reportado queda de 5,6% no lucro líquido recorrente do quarto trimestre do ano passado, para R$ 635,8 milhões, em relação ao mesmo período de 2016.

No acumulado do ano, o lucro da bolsa brasileira atingiu R$ 2,084 bilhões, considerando o valor recorrente, retração de 12,6% ante o observado um ano antes. Perto de completar um ano do início da fusão entre BM&FBovespa e Cetip, a companhia ajustou seus números para uma base combinada para permitir a comparação.

A equipe de análise do Bradesco destaca que os resultados operacionais vieram em linha com o guidance. Do outro lado, os pontos negativos foram a reversão de provisão de R$ 49 milhões, além de despesas não recorrentes relacionadas à fusão com Cetip de R$ 44 milhões. Ainda há R$ 70 milhões em despesas não recorrentes a serem incluídas nos resultados em 2018.

Continuamos com nossa visão positiva para o papel com a um mercado de capitais aquecido devido a taxas de juros consistentemente mais baixas, pondera o Bradesco BBI em análise enviada a clientes nesta sexta-feira (2).

A ação acumula alta de 12,34% em 2018 e o preço-alvo estimado pelos analistas é de R$ 26, valor 1,60% acima do fechamento do pregão de quinta-feira (1). – BRASIL EM FOLHAS COM AGÊNCIAS DE NOTÍCIAS – I3D 54051

0 Shares
You May Also Like