Pagamento da terceira parcela do auxílio emergencial começa no sábado

A terceira parcela do auxílio emergencial, no valor de R$ 600, começa ser depositada nas contas da poupança social digital neste sábado (27). Esse primeiro lote vai atender 31 milhões de pessoas que receberam a primeira parcela até 30 de abril. O saque em dinheiro tem início em 18 de julho e vai até 19 de setembro, de acordo com a data de nascimento.

O calendário de pagamento da terceira parcela do auxílio pago pelo Governo Federal foi detalhado nesta sexta-feira (26) pelo presidente da Caixa, Pedro Guimarães. Ele explicou que há um esforço crescente para fazer o recurso do auxílio emergencial chegar à população de forma rápida e com segurança. “Muito importante que tenhamos esse equilíbrio entre pagar o mais rápido possível e preservar as vidas via redução de filas. Com o pagamento digital, já conseguimos acelerar ao máximo os pagamentos”, disse.

No sábado também será feito o pagamento de novo lote da segunda parcela para 8,7 milhões de beneficiários e também para 1,1 milhão de pessoas que têm direito a primeira parcela.

Terceira parcela
Do dia 27 de junho até o dia 4 de julho a terceira parcela do auxílio será depositada nas contas da poupança social digital para pagamento de contas, boletos e compras por meio do cartão de débito digital. O depósito é feito de acordo com o mês de aniversário.

O primeiro grupo é dos nascidos em janeiro e fevereiro que receberam a primeira parcela até o dia 30 de abril e não são beneficiários do Bolsa Família.

Para quem quer fazer saque em dinheiro, os pagamentos vão de 18 de julho até 19 de setembro. O pagamento começa pelos beneficiários nascidos em janeiro.

Segundo o presidente da Caixa, a expectativa é que no pagamento dos próximos lotes, 60% do volume de recursos seja gasto antes da liberação do saque. “Não podemos acelerar esse calendário em relação a permissão do saque, senão, certamente teremos aglomerações e, nesse momento de pandemia, é uma cosia inaceitável”, explicou.

Os beneficiários do Bolsa Família seguem um calendário diferente. Para esse grupo, o pagamento da terceira parcela está sendo finalizado em 30 de junho.

Balanço
O total repassado aos beneficiários do auxílio emergencial já totaliza R$ 90,8 bilhões, desse o dia 9 de abril, quando teve início o pagamento. “Um valor sem precedentes. Ao redor de três vezes o valor anual do Bolsa Família pago até hoje”, disse o presidente da Caixa, Pedro Guimarães.

Até agora, 64,1 milhões de brasileiros já foram beneficiados. Segundo Guimarães, esse número vai aumentar já que o governo vai iniciar o pagamento da primeira parcela do benefício para 1,1 milhão de novos aprovados.

O auxílio emergencial tem 108,4 milhões de pessoas cadastradas. Desse total, 106,3 milhões de pedidos foram processados. Até agora, 42,2 milhões de pessoas foram consideradas inelegíveis. Ainda há 2 milhões de pedidos em análise e 1,3 milhão em reanálise. – Agência Brasil – I3D 1730