Os três representantes do país que permanecem no Aberto da Austrália têm compromissos pela chave de duplas mistas nesta terça-feira (16). O mineiro Marcelo Melo, que joga ao lado da russa Vera Zvonareva, enfrenta a norte-americana Desirae Krawczyk e o britânico Joe Salisbury por volta da 0h30 (horário de Brasília). Já a parceria 100% brasileira, formada pela paulista Luisa Stefani e outro mineiro, Bruno Soares, encara os australianos Samantha Stosur e Matthew Ebden em horário que ainda será anunciado pela organização.

Os dois jogos são válidos pela segunda rodada e valem classificação às quartas de final. As parcerias com participação podem se cruzar somente na semifinal. Do trio, Bruno é o único que foi campeão nas duplas mistas no Grand Slam australiano, disputado na cidade de Melbourne. Em 2016, venceu o torneio ao lado da russa Elena Vesnina.

Bruno também continua vivo na chave de duplas masculinas. Na madrugada desta segunda-feira (15), no horário de Brasília, ele e o britânico Jamie Murray derrotaram o italiano Simone Bolelli e o argentino Máximo González por 2 sets a 1, de virada, com parciais de 6/7 (5/7), 6/2 e 6/4, em duas horas e 31 minutos de jogo. Nas quartas de final, a parceria terá pela frente o salvadorenho Marcelo Arévalo e o holandês Matwé Middelkoop. A partida ainda será marcada pela organização.

Marcelo não teve a mesma sorte nas duplas masculinas. Também nesta segunda, ele e o romeno Horia Tecau foram superados pelo croata Ivan Dodig (parceiro do brasileiro por cinco anos) por 2 sets a 0, com parciais de 4/6 e 3/6, em uma hora e 26 minutos de partida. Após o jogo, o tenista brasileiro voltou a quadra, desta vez para estrear com vitória nas duplas mistas – ao lado de Vera Zvonareva – sobre Máximo González e a chinesa Yifan Xu, por 2 sets a 1, com parciais 4/6, 6/3 e 10/7, após uma hora e 16 minutos de bolas trocadas.

Eu tinha jogado uma vez com a Vera já em Wimbledon. E hoje [segunda] ganhamos um jogo muito difícil. Conseguimos virar depois de perder o primeiro set. No match tie-break [terceiro set], também estávamos abaixo, [perdendo por] 6-3. Foi legal. Agora amanhã [terça] jogamos na quadra grande, na Margaret. Então vamos aproveitar e ir com tudo, quem sabe com mais uma vitória, declarou Marcelo, em comunicado à imprensa. – Lincoln Chaves – Repórter da TV Brasil e da Rádio Nacional – YWD 985736