O brasileiro Thiago Monteiro se despediu do Aberto da Austrália, primeiro Grand Slam de 2021, na madrugada desta quinta-feira (11). Número 74 do ranking mundial de simples da Associação dos Tenistas Profissionais (ATP), o cearense foi derrotado pelo russo Andrey Rublev, oitavo do mundo e sétimo cabeça de chave do torneio disputado em Melbourne (Austrália), por 3 sets a 0, com parciais de 4/6, 4/6 e 6/7 (8/10). O jogo foi válido pela segunda rodada da competição.
Still undefeated in 2021 👊

Russian star @AndreyRublev97 goes 6-0 this season with a 6-4, 6-4, 7-6(8) win over Monteiro to make the #AusOpen 3R. pic.twitter.com/zBsriA7gOB
— ATP Tour (@atptour) February 11, 2021

Apesar do equilíbrio ao longo dos sets, Monteiro teve dificuldades para lidar com o serviço de Rublev. No segundo set, o russo fez sete aces e cedeu apenas quatro pontos ao brasileiro nas vezes em que sacou. O brasileiro cresceu para valer na terceira parcial, chegando a ter três set points no saque do adversário, mas não conseguiu fechar o game. Em um tie-break muito apertado, o europeu de 23 anos levou a melhor, definindo a partida em 10/8, após uma hora e cinco minutos de duelo.

Foi a primeira vez que o Monteiro chegou à segunda rodada do Aberto da Austrália. Na estreia, o tenista cearense de 26 anos bateu o eslovaco Andrej Martin por 3 sets a 0, com parciais de 7/6 (8/6), 6/1 e 6/2. A melhor campanha dele em um Grand Slam foi na edição 2020 de Roland Garros, em Paris (França), quando caiu na terceira rodada.

Na terceira rodada, Rublev terá pela frente o espanhol Feliciano López. O tenista número 65 do mundo derrotou o italiano Lorenzo Sonego, 35º do ranking da ATP e 31º cabeça de chave do torneio, por 3 sets a 2, de virada, com parciais de 5/7, 3/6, 6/3, 7/5 e 6/4. – Lincoln Chaves – Repórter da TV Brasil e da Rádio Nacional – YWD 985451