Comissão debate impacto da pandemia no transporte aéreo, acompanhe

Redação Redação
Fernando Vivas/Governo da Bahia
Setor aéreo também atua no transporte de vacinas e insumos hospitalares

A Comissão de Viação de Transportes da Câmara dos Deputados está reunida no plenário 11 para discutir os impactos da pandemia no transporte aéreo.

Acompanhe ao vivo

O pedido para realização da audiência é do deputado Carlos Chiodini (MDB-SC). Ele considera a aviação comercial brasileira e sua cadeia produtiva um dos setores mais afetados pela crise ocasionada pela pandemia de Covid-19.

Chiodini aponta que no pico da crise, em 2020, houve redução de 90% nos voos domésticos e de 100% nos voos internacionais. “A previsão para este ano era de recuperação gradual, mas foi interrompida pelo recrudescimento da pandemia, o que tem gerado sentimento de insegurança para viagens e como consequência, quedas na venda de bilhetes e novas reduções na malha aérea”, lamentou.

No debate, o deputado espera encontrar alternativas para o setor, o qual considera essencial para impulsionar negócios e turismo e no transporte de profissionais da saúde, insumos hospitalares e vacinas.

Foram convidados para o debate:

diretor-presidente da Agência Nacional de Aviação Civil (Anac), Juliano Noman;
secretário nacional da Aviação Civil, Ronei Saggioro Glanzmann;
presidente da Associação Brasileira das Empresas Aéreas (Abear), Eduardo Sanovicz;
diretor da Associação Internacional de Transportes Aéreos (Iata) no Brasil, Dany Lima de Oliveira;
o diretor-presidente da Associação Brasileira das Empresas de Serviços Auxiliares de Transporte Aéreo (Abesata), Ricardo Aparecido Miguel;
o diretor-presidente da Associação Nacional das Empresas Administradoras de Aeroportos, Dyogo Oliveira; e
o presidente do Sindicato Nacional dos Aeronautas (SNA), Ondino Dutra.

A BRASIL EM FOLHAS utiliza cookies e tecnologias semelhantes, como explicado em nossa Política de Privacidade, para recomendar conteúdo e publicidade. Ao navegar por nosso conteúdo, o usuário aceita tais condições. Aceitar Consulte mais informação

Política de Privacidade e Cookies