Conselho de Ética discute pareceres sobre Eduardo Bolsonaro e Coronel Tadeu

Redação Redação

O Conselho de Ética da Câmara dos Deputados se reúne nesta quarta-feira (31), para discutir o parecer preliminar do deputado Igor Timo (PODE-MG) sobre as representações 10/19 e 11/19, contra o deputado Eduardo Bolsonaro (PSL-SP).

As representações, uma da Rede e a outra assinada por Psol, PT e PCdoB, foram reunidas no mesmo processo. Os quatro partidos acusam Eduardo Bolsonaro de quebra de decoro parlamentar e de atentado contra a democracia por sugerir, durante uma entrevista, a adoção de um novo AI-5, instrumento que, em 1968, endureceu a ditadura militar permitindo o fechamento do Congresso Nacional, entre outras medidas. Após a repercussão da entrevista, o deputado se desculpou e disse que foi mal interpretado.

O Conselho também vai discutir o parecer do deputado João Marcelo Souza (MDB-MA) sobre a Representação 15/19, contra o deputado Coronel Tadeu (PSL-SP). O PT acusa o parlamentar de quebra de decoro, em manifestação racista de ódio, por ter rasgado um cartaz da exposição organizada pela Câmara dos Deputados para comemorar o Dia da Consciência Negra, em novembro de 2019.

Daniel Silveira
Os deputados Alexandre Leite (DEM-SP) e Fernando Rodolfo (PL-PE), relatores das representações 17/19 e 1/21, contra o deputado Daniel Silveira (PSL-RJ), apresentam ainda seus planos de trabalho.

Silveira é acusado de gravar ilegalmente uma reunião de seu partido ocorrida em outubro de 2019 e de ofender e ameaçar integrantes do Supremo Tribunal Federal, além de fazer apologia ao AI-5. – Câmara dos Deputados – YWD 991919

A BRASIL EM FOLHAS utiliza cookies e tecnologias semelhantes, como explicado em nossa Política de Privacidade, para recomendar conteúdo e publicidade. Ao navegar por nosso conteúdo, o usuário aceita tais condições. Aceitar Consulte mais informação

Política de Privacidade e Cookies