Plano quer reduzir emissão de carbono na agropecuária na próxima década

0 Shares
0
0
0
0

O Plano Setorial para Adaptação à Mudança do Clima e Baixa Emissão de Carbono na Agropecuária 2020/2030, chamado de ABC+, foi lançado, no dia 20 deste mês, pela ministra da Agricultura, Pecuária e Abastecimento, Tereza Cristina.

O novo documento, que é a atualização do Plano ABC, executado de 2010 a 2020, estabelece as metas e os objetivos estratégicos para a promoção da agricultura de baixa emissão de carbono e da produção sustentável no país na próxima década, até 2030. A iniciativa busca aumentar a adoção de práticas e tecnologias sustentáveis na agropecuária para melhorar a renda do produtor e impactar em mudanças climáticas.

“O ABC+ promove a abordagem integrada da paisagem como marco conceitual, estimulando a gestão integrada das propriedades rurais e uso eficiente dos recursos naturais. Estabelece também novos e abrangentes mecanismos de governança que reforçarão a nossa capacidade de monitorar e de avaliar os resultados alcançados”, explicou a ministra.

Ao lançar o novo ABC+, a ministra destacou que o mantra da agropecuária brasileira tem de ser “conservação e produtividade” e reafirmou o papel da agropecuária na mitigação das emissões e adaptação aos efeitos do aquecimento global. “Mais do que isso, reiteramos também a importância do ABC+ na promoção do crescimento econômico, afinal, os produtores rurais aderem às práticas de baixa emissão de carbono porque elas trazem eficiência e renda, conciliando conservação e produtividade.”

Desafio

O maior desafio na próxima década, de acordo com a ministra, será disseminar as práticas produtivas do ABC+ aos pequenos produtores rurais e agricultores familiares, levando sustentabilidade a todo o país.

“Estamos lançando hoje as bases para que, como potência agroambiental, sigamos aliando segurança alimentar e nutricional à conservação ambiental. É necessário, no entanto, que essa dupla contribuição seja reconhecida pelos nossos parceiros internacionais com o fim do protecionismo no comércio agrícola e a implementação de mecanismos que recompensem nossos produtores pelos serviços ambientais que prestamos ao mundo”, defendeu a ministra da Agricultura. 

Consulta pública

Em julho, será promovida uma consulta pública para que a sociedade possa contribuir com as metas a serem atingidas pelo ABC+ 2020/2030.

Plano ABC+

Segundo o Ministério da Agricultura, o ABC+ quer promover a recuperação e conservação da qualidade do solo, da água e da biodiversidade, valorizando as especificidades locais e culturas regionais. Ele também buscará uma forte estrutura de governança, dividida em três instâncias: aporte de informações de execução, monitoramento e avaliação dos resultados e acompanhamento das ações e ajustes constantes.

A política prevê ainda apoiar os gestores públicos na formulação de planos de ação estaduais e ações conjuntas junto às organizações da sociedade civil, instituições financeiras e de pesquisa, buscando maior produtividade e aumento de renda.

Gases de efeito estufa

A ministra da Agricultura, Tereza Cristina, lembrou que hoje o Brasil é responsável pela emissão de apenas 3% dos gases de efeito estufa no mundo.

“Em relação aos países desenvolvidos, isso é muito pouco, mas nós temos que dar a nossa contribuição para esse problema global que está sendo discutido por todos os países desenvolvidos; e o Brasil quer estar inserido e estará inserido nessa pauta tão importante global”, finalizou a ministra.

0 Shares
You May Also Like