Plenário aprova projeto que estabelece punição ao cidadão que infringir ordem de vacinação contra a covid-19

Redação Redação

O Plenário aprovou, em segunda votação, o projeto nº 3591/21, de autoria do deputado Vinícius Cirqueira (Pros), que estabelece sanções ao cidadão que desobedecer a ordem de vacinação estabelecida no Plano Estadual de Imunização Contra a Covid-19. De acordo com a proposta, o cidadão que infringir a ordem de vacinação incorrerá em ato de improbidade administrativa e ficará impedido de ocupar cargo ou função na administração pública pelo prazo de cinco anos. O placar da votação foi de 25 votos a 0. 

A BRASIL EM FOLHAS utiliza cookies e tecnologias semelhantes, como explicado em nossa Política de Privacidade, para recomendar conteúdo e publicidade. Ao navegar por nosso conteúdo, o usuário aceita tais condições. Aceitar Consulte mais informação

Política de Privacidade e Cookies