Bruno Peixoto assina projeto para que o governo convoque aprovados em concurso da PM

0 Shares
0
0
0
0

Com o projeto de lei nº 5844/21, o deputado Bruno Peixoto (MDB) pretende que o governo estadual convoque, nomeie e dê posse aos aprovados do último concurso da Polícia Militar de Goiás, realizado em 2017. 
Na época, foram ofertadas 2,5 mil vagas em sua totalidade, sendo 2.420 praças e 80 cadetes. A proposta esclarece que no final do curso de formação, restaram apenas 1.985 militares (praça), gerando um grande déficit para o cargo, e ao final do concurso, restaram 435 vagas ociosas, e por fim sobraram ainda 1,5 mil candidatos aprovados e classificados prontos a seguir nas demais etapas do concurso, como Teste de Aptidão Física (T.A.F), exame médico, entre outros.
Em justificativa, o autor da matéria afirma que diante da grave conjuntura que o país passa atualmente devido a pandemia, se torna inviável a realização de um novo concurso público. Bruno observa que, além de gerar grandes gastos no orçamento estadual, se torna ainda mais necessário e justo essa convocação, pois a PM-GO encontra-se com déficit bastante expressivo com afastamentos devido à covid-19, aposentadoria, invalidez e óbitos, e essa reposição de efetivo se daria com esses aprovados que aguardam essa convocação a fim de preencher todas as vagas. "Ressalto, ainda, que todas as vagas de cadete foram preenchidas, restando apenas as praças a preencher", destaca. 
A matéria já se encontra na Secretaria de Apoio Legislativo e será direcionada, posteriormente, para apreciação da comissão temática pertinente. Se aprovada, seguirá para discussão e votação em Plenário. 

0 Shares
You May Also Like