No Pequeno Expediente, Bruno Peixoto elogia primeiro escalão do Governo estadual

Redação

Quinto orador a discursar no Pequeno Expediente, o deputado Bruno Peixoto (MDB), líder do Governo na Casa, disse que é preciso tentar entender mudanças bruscas nos discursos de alguns parlamentares. “Alguns mudaram depois que tiveram exonerações de cargos apadrinhados no Governo”, afirmou.
Bruno também elogiou os integrantes do primeiro escalão do Governo estadual. “Todos os secretários do nosso Governo são íntegros e transparentes como o nosso governador e estão aptos a aparecer na Alego assim que convidados”, afirmou. “No caso específico do secretário estadual de Administração, pedi a ele que venha assim que as matérias do RRF sejam aprovadas na Casa”, pontuou. “Será, sim, permitido concurso público e chamamentos, desde que não se ultrapasse o teto de gastos”, completou.
O emedebista finalizou seu discurso dizendo que o Governo Caiado respeita bastante a Saneago. “Se rejeitamos emendas é porque queremos valorizar a empresa, uma empresa sólida e consolidada, não podemos impedi-la de participar de consórcios, por isso rejeitei as emendas dos colegas deputados”, concluiu.

Você pode gostar

A BRASIL EM FOLHAS utiliza cookies e tecnologias semelhantes, como explicado em nossa Política de Privacidade, para recomendar conteúdo e publicidade. Ao navegar por nosso conteúdo, o usuário aceita tais condições. Aceitar Consulte mais informação

Política de Privacidade e Cookies