Palestra motivacional encerra Semana de Integração dos novos servidores da Alego nesta segunda-feira, 21

0 Shares
0
0
0
0

Foi encerrada, na manhã desta segunda-feira, 21, a 6ª Semana de Integração dos Servidores da Assembleia Legislativa. O evento foi promovido pela Escola do Legislativo e contou com a participação dos analistas e assistentes legislativos nomeados em 2021.
As atividades realizadas na última semana ocorreram de forma on-line e foram coordenadas pela chefe da seção Pedagógica da Escola do Legislativo, Milena Alves Costa.
Hoje, no encerramento, os novos servidores da Polícia Legislativa participaram de uma atividade presencial. A atividade foi aberta pelo secretário da Polícia Legislativa, Clayton Moraes, que deu as boas-vindas aos aprovados.
Na sequência, Léslio César de Moraes, da Secretaria de Polícia Legislativa, ministrou a palestra “A Nova Polícia Legislativa e os Velhos Paradigmas”. O tema foi desenvolvido no sentido de motivar os participantes a uma reflexão sobre a realidade atual, avanços e conquistas da categoria, bem como do papel que ela deve ocupar para garantir a independência dos poderes e a manutenção da democracia.
Léslio é bacharel em Ciências Jurídicas e Sociais pela Pontifícia Universidade Católica de Goiás (PUC-Goiás), bacharel em Administração de Empresas pela Universidade Salgado de Oliveira, pós-graduado em Direito Civil e Processual Civil pela Faculdade Anhanguera. Ele fez estudos em Direito Penal e Processual Penal pela Academia de Polícia de Goiás, Criminologia pela UFG, Gestão Competitiva em Marketing pela Universidade Salgado de Oliveira, Metodologia de Ensino Superior – Curso complementar para capacitação de docentes pela Universidade Salgado de Oliveira.
A 6ª Semana de Integração dos Servidores da Assembleia Legislativa teve início no dia 14 de junho, com o objetivo de ajudar os novos servidores a conhecerem melhor o funcionamento do Poder Legislativo goiano. Com o encerramento, os participantes irão receber um certificado do curso que teve carga horária de nove horas para os servidores da Polícia Legislativa e seis horas para os demais participantes.
Os novos servidores da Assembleia Legislativa de Goiás, aprovados no concurso realizado em janeiro de 2019, começaram a ser empossados no dia 19 de abril. Nessa data, assumiram suas funções seis novos funcionários, que começaram a trabalhar imediatamente. Na primeira fase, foram convocados 12 aprovados, conforme ficou acordado entre o Poder Legislativo e o Ministério Público de Goiás, mediante um Termo de Ajustamento de Conduta (TAC). Os outros seis nomeados tomaram posse no dia 3 de maio.
Foram empossados servidores para os cargos de enfermeiro do trabalho, engenheiro do trabalho, fisioterapeuta, médico do trabalho, técnico em enfermagem do trabalho, técnico em segurança do trabalho e seis para a Polícia Legislativa. Dentre esses, um assistente legislativo ocupa a vaga destinada a pessoa com deficiência.
O concurso
A Casa de Leis publicou os editais do concurso em novembro de 2018, sendo que as inscrições foram até dezembro daquele ano. Foram três editais referentes ao preenchimento de 80 vagas para profissionais de nível médio, técnico e superior, além da composição de cadastro de reserva. O pleito foi realizado pelo Instituto Americano de Desenvolvimento (Iades).
Entre as 80 vagas, 42 foram para analista legislativo, ou seja, cargos de nível superior; 36 para assistente legislativo, cargos de nível médio e técnico; e duas para procurador de 2ª Classe. As vagas foram distribuídas entre as seguintes áreas:
Cargos de nível médio e técnico: Policial Legislativo, Técnico em Enfermagem do Trabalho, Técnico em Segurança do Trabalho e Tradutor-Intérprete de Libras;
Cargos de nível superior: Arquiteto, Arquivologista, Assistente Social, Cirurgião-Dentista, Comunicador Social, Contador, Enfermeiro do Trabalho, Engenheiro Civil, Engenheiro do Trabalho, Engenheiro Eletricista, Fisioterapeuta, Médico Cardiologista, Médico Clínico, Médico do Trabalho, Médico Ginecologista, Médico Ortopedista, Médico Psiquiatra, Psicólogo Organizacional, Revisor Ortográfico, Segurança da Informação e Procurador de 2ª Classe.

0 Shares
You May Also Like