Sancionada lei para contratação de 378 bombeiros e 750 PMs no DF

0 Shares
0
0
0
0
Valter Campanato/Agência Brasil
A União é quem mantém as polícias e corpo de bombeiros do DF

O presidente Jair Bolsonaro sancionou na segunda-feira (28) a Lei 14.178/21, que altera anexo do Orçamento (Lei 14.144/21) para permitir a contratação, ainda neste ano, de 378 bombeiros e 750 policiais militares no Distrito Federal.

No início deste mês, o Congresso Nacional aprovou um substitutivo à proposta original do Poder Executivo (PLN 7/21), aumentando as vagas nas corporações do DF. As contratações devem ter impacto de R$ 22 milhões neste ano.

Pela Constituição, cabe à União organizar e manter as polícias Civil, Penal e Militar e o Corpo de Bombeiros Militar do Distrito Federal, bem como prestar assistência financeira ao DF, por meio de fundo próprio, nos serviços públicos.

A Lei 14.178/21 também permite provimento de cargos em seis universidades federais (Catalão, Jataí, Rondonópolis, Delta do Parnaíba, Norte de Tocantins e Agreste de Pernambuco). Para evitar aumento nos gastos, foram reduzidos os recursos para vagas de professores e técnicos administrativos em educação.

0 Shares
You May Also Like