Adriana Accorsi apresentou emenda à Lei Estadual que obriga divulgação do Disque 180 e do Disque 100

0 Shares
0
0
0
0

Durante o período de apresentação de projetos e requerimentos da sessão extraordinária híbrida desta terça-feira, 20, a deputada Delegada Delegada Adriana Accorsi (PT) apresentou matéria contendo emenda à Lei Estadual nº 21.048, de julho de 2021, que é fruto da propositura de nº 750/19, de autoria dela e da deputada Lêda Borges (PSDB).
A iniciativa versa sobre a obrigatoriedade, em Goiás, da divulgação da Central de Atendimento à Mulher (Disque 180) e do Serviço de Denúncia de Violações aos Direitos Humanos (Disque 100) nos estabelecimentos de acesso ao público como hotéis, pousadas, bares e restaurantes, além de estações de transporte de massa, eventos e shows, salões de beleza, mercados, feiras, shoppings e etc.
De acordo com a parlamentar, a emenda se chamará “Cacau Mila”, nome de uma comunicadora de Goiás que trouxe denúncia de que nos condomínios horizontais e verticais de Goiás, muitas vezes, está havendo situações de violência e não está sendo possível colocar esse cartaz com o Disque Denúncia. Dessa forma, a divulgação também será obrigatória nesses locais.

0 Shares
You May Also Like