Assembleia Legislativa recebe decoração alusiva à campanha Julho Verde

0 Shares
0
0
0
0

A sede do Poder Legislativo recebe, nesta quinta-feira, 1° de julho, a partir das 19 horas, uma iluminação na cor verde alusiva à campanha mundial de prevenção ao câncer de cabeça e pescoço. A iniciativa é da Comissão de Saúde da Assembleia Legislativa de Goiás (Alego), que instituiu o “Julho Verde”, através de projeto do presidente da comissão, deputado Gustavo Sebba (PSDB).  Nesta manhã, funcionários da comissão instalaram a  decoração interna e externa com itens da cor verde, reforçando o apoio à campanha nacional. Essa data foi instituída pela Sociedade Brasileira de Cirurgia de Cabeça e Pescoço (SBCCP), no mês em que celebra o Dia Mundial de Combate ao Câncer de Cabeça e Pescoço (27/07), para alertar para a necessidade de prevenção e diagnóstico precoce.
Além disso, os servidores da Alego também receberam material informativo sobre a doença e as maneiras de prevenir esses tipos de tumores. Foram distribuídos, ainda, laços verdes, que simbolizam a campanha, para todos os servidores da Assembleia Legislativa.
O deputado Gustavo Sebba, que é médico, destaca que os diversos tipos de câncer que afetam cabeça e pescoço, quando somados, representam uma das principais causas de morte por doenças no Brasil. “Além disso, eles costumam gerar um constrangimento público que afeta bastante a vida social das pessoas acometidas, já que, em regra, não tem como esconder seus tumores quando eles se encontram em uma parte do corpo tão evidente”, pontua.
Sebba explica, ainda, que o tratamento é muito caro e complexo, sendo necessário o acompanhamento de inúmeros profissionais, desde cirurgiões e médicos, até dentistas, fonoaudiólogos e psicólogos. “O custo do tratamento afeta principalmente a população de baixa renda, e foi por isso que propôs essa campanha, voltada à conscientização, prevenção e enfrentamento de preconceitos que podem ser sofridos pela pessoa com câncer”, esclarece.
O presidente da Comissão de Saúde frisa também que essa é uma campanha que vem sendo reforçada em nível nacional e Goiás não poderia chegar atrasado nesse assunto. “É por isso que, além das ações, também apresentei à Mesa Diretora, projeto de lei que trata sobre a temática”, finaliza.

0 Shares
You May Also Like