Divulgação/Agência de Notícias do Paraná Geração de energia com placas fotovoltaicas

Bancada feminina debate projeto de geração distribuída e energia renovável

0 Shares
0
0
0
0
A Secretaria da Mulher da Câmara dos Deputados promove nesta quarta-feira (14), às 16 horas, reunião com a bancada feminina para debater o Projeto de Lei 5829/19, que trata da micro e da mini geração distribuída de energia elétrica e outros temas relacionados ao setor de energias renováveis. O pedido foi feito pela deputada federal Luísa Canziani (PTB-PR), 1ª coordenadora adjunta da bancada feminina.

A reunião contará com a participação da Associação Brasileira do Biogás (Abiogás), que vai apresentar pontos do projeto para debate com as deputadas. Luísa Canziani considera o tema importante, “neste momento de crise hídrica e energética que o País enfrenta, uma vez que o setor tem grande relevância para a economia, o meio ambiente e a vida da população”.

Embora a presença no setor de energia seja predominantemente masculina, vem crescendo a participação feminina. Segundo o Anuário 2019 de Energia Renovável e Empregos da Agência Internacional de Energia Renovável (Irena), a força do trabalho feminino no mercado da energia renovável corresponde a 32% do total, superior à da indústria global de petróleo e gás, cuja representação é de 22%. “É de grande relevância compreender o potencial brasileiro de outras fontes renováveis, já que o acesso à energia está relacionado à melhoria da qualidade de vida, das oportunidades de trabalho e de igualdade de gênero”, afirma a deputada Luísa.

A reunião será realizada pela plataforma aplicativo Zoom e será transmitida pelo canal da Secretaria da Mulher no YouTube.

0 Shares
You May Also Like