Em visita à Caoa Chery, Lissauer destaca força da produção industrial goiana e reforça atenção ao setor automotivo

0 Shares
0
0
0
0

Forte defensor do setor produtivo no Legislativo goiano e atuando constantemente em prol do desenvolvimento econômico do estado, o presidente da Assembleia Legislativa de Goiás (Alego),  deputado Lissauer Vieira (PSB), cumpriu agenda na manhã da última sexta-feira, 09, em Anápolis, onde visitou, juntamente com o deputado estadual Amilton Filho (SD), as instalações da montadora de veículos Caoa Chery. Na oportunidade, os parlamentares conheceram o processo de produção e logística, além de tratar de demandas relacionadas ao setor automotivo com membros do corpo administrativo da fábrica.
Destacando a força da cadeia produtiva em Goiás e a importância da montadora para a geração de empregos, o presidente da Alego ressaltou, durante a visita institucional, as potencialidades do estado, sobretudo, no âmbito industrial e reforçou a sua atenção às pautas e demandas apresentadas na ocasião. Segundo ele, o Poder Legislativo está comprometido e atuando em defesa de políticas que visem o fortalecimento e a valorização da produção goiana.
“Essa é uma empresa de uma envergadura muito grande e de extrema importância, não só para Anápolis, mas para todo o estado de Goiás. Nós, do Legislativo goiano, estamos focados e trabalhando em prol do desenvolvimento do nosso setor produtivo e também para que as montadoras e empresas de outros segmentos possam permanecer em Goiás, tendo viabilidade econômica e condições de gerar cada vez mais empregos para a nossa população”, disse Lissauer.
Por sua vez, o gerente de produção da fábrica, Fábio Silva, salientou a necessidade do respaldo do Parlamento goiano com as demandas do setor automotivo, especialmente, das montadoras instaladas em Goiás. “Vejo que precisamos muito desse suporte da Assembleia Legislativa para que continuemos produzindo aqui em Goiás e gerando emprego e renda para os goianos. Então essa visita hoje aqui foi fundamental para discutirmos novos projetos e pautas de interesse de todo o setor automotivo”, pontuou. Também participaram da visita institucional o gerente de relações governamentais da Caoa Chery, Pedro Sacramento, o presidente do Sindicato dos Metalúrgicos de Anápolis (Sindmetana), Gleberson Jales e o secretário-geral da entidade, Adenilton Leitão.
Caoa Chery
Inaugurada em 2001 em Anápolis, a Caoa Chery funciona em 140 mil metros de área construída, em 1,5 milhão de metros quadrados de área total, com grande parte destinada a reserva ambiental e nível de poluentes zero. Gerando atualmente cerca de dois mil empregos diretos, a montadora anunciou no primeiro semestre deste ano a contratação de mais 150 novos postos de trabalho, entre montadores de veículos, operadores de produção e auxiliares de logística. As novas vagas fazem parte do plano iniciado em 2020 para a planta do município, que inclui um investimento de R$ 1,5 bilhão.
Com mais de 20 mil unidades comercializadas em 2020 e 1,03% de market share, a Caoa Chery manteve seu volume de vendas do ano anterior. O carro mais vendido da marca no ano passado foi o Tiggo 5X. Com 8.769 unidades comercializadas no período, o modelo ficou na 15ª colocação do ranking de utilitários esportivos da Fenabrave. A planta de Anápolis é responsável, atualmente, pela produção de três SUVs do portfólio da Caoa Chery: Tiggo 5X, Tiggo 7 e Tiggo 8. Também fabrica, sob licença, os Hyundai Tucson, ix35 e New Tucson, além dos caminhões HR e HD 80.

0 Shares
You May Also Like