Série “Isso é Goiás”, nas redes sociais da Assembleia Legislativa, apresenta a jovem cidade de Acreúna

0 Shares
0
0
0
0

Localizada a 153 km de Goiânia, Acreúna tem uma população de aproximadamente 23 mil habitantes. Considerada o portal do Sudoeste goiano, é uma cidade jovem, que está em processo de crescimento e tem grandes perspectivas de investimentos. O município ilustra a publicação desta semana da campanha “Isso é Goiás”, nas redes sociais da Assembleia Legislativa.
De acordo com o site da Prefeitura de Acreúna, a cidade foi fundada em 1961 por Benedicto Arystogogo de Mello. Em 1963, fixaram-se no local os primeiros moradores, tornando-se um povoado do município de Paraúna. Em 1971, foi elevada à categoria de distrito. Mas, só no dia 14 de maio de 1976 foi emancipada, obtendo, enfim, o status de cidade.
O munícipio, que surgiu na década de 60, às margens da rodovia Brasília-Acre, em construção na época, traz consigo uma curiosidade sobre o seu nome. Trata-se de uma homenagem ao nome da rodovia (Acre) e a cidade de Paraúna (Una), com a junção Acre+Una e por isso, Acreúna.
No município, a agropecuária é responsável por grande parte da economia da cidade. O auge da agricultura na cidade foi com a produção de algodão no final da década de 90 e início dos anos 2000. Acreúna se tornou um dos maiores produtores de algodão do país e chegou a ter 13 usinas de beneficiamento do produto. Mas a crise do algodão, que atingiu todo o estado de Goiás a partir de 2004, também bateu na porta dos produtores da região.
Mesmo assim, a agropecuária continua forte na cidade e é responsável por 70% da arrecadação de Acreúna. Outros segmentos também têm se destacado, como o setor comercial. Ano após ano, a atividade cresce, oferecendo mais oportunidades de emprego e mais diversidade para os consumidores.
E você, conhece Acreúna? Gostou de saber mais sobre essa cidade do Sudoeste goiano? Então, fique ligado nas redes sociais da Alego. Todo domingo a série “Isso é Goiás” mostra um lugar diferente de nosso estado. Tem postagem no Instagram, no Facebook e no Twitter.

0 Shares
You May Also Like