Campanha “Eu Amo Cerrado” da Alego destaca a utilização da árvore “Bolsa de Pastor” no reflorestamento

0 Shares
0
0
0
0

O nome da árvore é uma referência ao formato do fruto, formado dentro das pétalas de flores, que se dispõem em cachos eretos. São flores de pequenas dimensões, com quatro pétalas brancas em forma de espátula. Cada flor forma um fruto com a forma de coração ou bolsa, contendo uma grande quantidade de pequenas sementes.

São os frutos, suportados por pedúnculos relativamente longos, que guardam as inúmeras sementes. Quando a vagem seca, abre-se ao meio, libera as sementes maduras, que vão se espalhar e formar novas árvores.

Outra grande utilidade da espécie é a sua madeira, que é usada em larga escala na indústria moveleira e na construção civil.  Além disso, a árvore é de uma beleza peculiar, portanto indicada também para o paisagismo.

Como planta medicinal, já era utilizada pela medicina tradicional chinesa no tratamento de doenças oftalmológicas e em diarreias.. É considerada também uma planta diurética e antitérmica. Apresenta, ainda, propriedades oxitócicas, agindo no organismo da mulher para induzir a contração do útero, além de estimular a produção de leite pelas glândulas mamárias, também pode ser usada em medicamentos para problemas da pele.

Toda semana a série Eu Amo Cerrado destaca uma espécie diferente do nosso tão rico bioma. A ideia é mostrar toda essa riqueza, ajudando tanto na divulgação das espécies e suas utilidades, quanto na necessidade de preservação.  As postagens são sempre às sextas-feiras, no Facebook, Twitter e Instagram.

0 Shares
You May Also Like