Ronan Frias/Governo do Pará Lideranças denunciam a ação de madeireiros na região sudoeste do Pará

Comissão debate violência rural no Pará promovida por madeireiros e grileiros

0 Shares
0
0
0
0

A Comissão de Direitos Humanos e Minorias da Câmara dos Deputados realiza audiência pública nesta quarta-feira (6) para debater os conflitos agrários e ameaças de morte contra defensores de direitos humanos no Pará.

 

A audiência foi pedida pelos deputados Vivi Reis (Psol-PA) e Carlos Veras (PT-PE). Segundo eles, lideranças de movimentos sociais rurais da região sudoeste do Pará vêm denunciando atos violentos e ameaças de morte por grileiros, madeireiros e garimpeiros contra assentados, posseiros e trabalhadores rurais sem-terra dos municípios de Anapu, Altamira, Novo Progresso e distrito de Castelo dos Sonhos.

“Denunciam, inclusive, que lideranças assistidas pelo Programa Estadual de Defensores dos Direitos Humanos estão em local não sabido por se sentirem desassistidos pelo poder público; que projetos de assentamento e áreas públicas da União estariam sendo objeto de grilagem, com venda de lotes por fazendeiros que se intitulam proprietários do local; bem como praticam desmatamento e extração de minério”, informam os deputados.

Debatedores
Confirmaram presença na audiência, entre outros, a promotora de Justiça Agrária da região de Altamira, Renata Valéria Pinto Cardoso; o representante da Rede Eclesial Pan-Amazônica, padre Boeing; e a coordenadora do Núcleo de Questões Agrárias e Fundiárias do Ministério Público do Pará, a promotora Ione Missae da Silva Nakamura.

0 Shares
You May Also Like