Escola do Legislativo promoveu, nesta manhã, palestra para tratar do tema “Desafios do retorno ao trabalho presencial”

0 Shares
0
0
0
0

A fim de tratar do tema “Desafios do retorno ao trabalho presencial”, a Escola do Legislativo do Parlamento goiano promoveu na manhã desta quarta-feira, 6, palestra online.  O objetivo da ação foi discutir os aspectos emocionais do retorno ao trabalho presencial e as consequências para os relacionamentos interpessoais no ambiente profissional. A gravação da palestra continua disponível no canal do Youtube.

A palestra foi mediada pela chefe da seção pedagógica da Escola do Legislativo, Milena Costa e conduzida pela psicóloga Adriana de Carvalho Froes, que é servidora efetiva da Alego, com lotação na seção de Serviços Médicos. A especialista realizou uma breve contextualização da realidade que a sociedade vive, atualmente, e uma abordagem sobre as novas habilidades exigidas e os desafios impostos.

A palestrante é pós-graduada em Análise e Diagnóstico Organizacional pela Pontifícia Universidade Católica de Goiás (PUC-GO) e tem formação em Terapia Cognitivo-Comportamental pelo Centro de Estudos Avançados de Psicologia (Ceap).

Milena, na introdução da palestra, ressaltou os desafios impostos pela pandemia de covid-19. Em sua intervenção, Adriana tratou da nova condição. “A Assembleia abre espaço para debatermos o assunto. A gente pensa na nossa condição adaptativa. Estamos indo para uma nova condição”, realçou.

Ao iniciar sua fala, a psicóloga ressaltou pontos importantes impostos pelo período pandêmico. “Essa situação nos igualou. No início, não acreditei que fosse durar tanto. Passei por diversos estágios”, compartilhou. E prosseguiu ao contar de experiências como ter mais tempo para fazer outras coisas, que não eram possíveis diante da antiga rotina como o fato de interagir com as pessoas, e até resgatar amizades.

Diante do retorno às atividades presenciais, Adriana ressalta que, “agora, temos que nos reorganizar. Gosto desse movimento, que faz a vida ser interessante”, afirma.

A especialista também convidou os presentes a refletir sobre o momento atual e tratou da evolução humana e sua capacidade de adaptação. De acordo com a profissional, o período pandêmico obrigou as pessoas a se adaptarem às novas condições, em um primeiro momento diante do isolamento e agora, ao retorno do convívio social, mas em outro formato.

E, diante desta nova condição, Adriana tratou dos desafios do retorno ao trabalho presencial nos diversos aspectos, como: resistência, medo, angústia, euforia, sensação de normalidade e interações sociais. “É um ambiente totalmente novo, com limitações, que ainda devem perdurar, a exemplo da máscara”, assinalou.

Na oportunidade, a especialista também ressaltou a experiência no atendimento aos pacientes. Em um primeiro momento, tratada com resistência, em função do distanciamento, mas reconsiderado, porque os atendimentos online, também possuem seu lado positivo, já que presencialmente, a máscara dificulta a leitura da expressão facial.

Outro quesito, tratado durante a palestra, foi o crescimento no volume de atendimentos, entre 600% e 700%. “Muitas agravaram ansiedade e outras desenvolveram em decorrência de várias circunstâncias”, explicou.

Códigos de conduta
Fróes frisou ainda que, nesse novo período, é necessária a atenção para situações como a nova etiqueta de cumprimento entre os colegas, a importância de compreender e reconhecer o que deixa o outro mais confortável. “Teremos que desenvolver habilidades como no uso do olhar, para interpretar o outro. É um novo jeito de se comunicar”, esclareceu.

Para a especialista, “as situações apontadas no período de dois anos demonstra nossa incrível capacidade de adaptação frente às situações adversas”, reiterou. Adriana também assinalou que no período que se segue, novas habilidades serão exigidas, a exemplo da auto-suficiência e pró-atividade que serão necessárias, tendo em vista escalas de remanejamento de pessoal, além das novas parcerias de trabalho que serão estabelecidas e necessárias para o desempenho das atividades laborais.

Das condições impostas, a psicóloga apontou a importância das pessoas entenderem o aprendizado adquirido diante das mudanças impostas. “Não permita que os dias ruins façam você pensar que sua vida é ruim”, alertou.

Certificação
Durante a palestra foi disponibilizado um link de acesso ao Google Forms para solicitação de certificado e avaliação da atividade. O prazo para envio do documento é de cinco dias úteis, a fim de que a seção administrativa providencie o envio do mesmo ao email dos participantes.

0 Shares
You May Also Like