Assembleia Legislativa de Goiás promoveu, nesta sexta-feira, 25, sessão solene em homenagem aos 50 anos do Sebrae

0 Shares
0
0
0
0
0
0

Por iniciativa do presidente da Assembleia Legislativa de Goiás (Alego), deputado Lissauer Vieira (PSD), a Casa de Leis realizou na manhã desta sexta-feira, 25, sessão solene de entrega da Medalha de Mérito Legislativo Pedro Ludovico Teixeira a dirigentes do Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae). A solenidade aconteceu em comemoração ao evento “50+50: criar o futuro é fazer história”, que celebra o cinquentenário de fundação do Sebrae. Representando Lissauer Vieira, o deputado Virmondes Cruvinel (UB), foi o presidente da cerimônia.
Na solenidade foram homenageados: Antônio Carlos de Souza Lima Neto, diretor-superintendente; Carlos do Carmo Andrade Melles, diretor-presidente nacional; João Carlos Gouveia, diretor de Administração e Finanças; Marcelo Lessa Medeiros Bezerra, diretor-técnico; Osvaldo Moreira Guimarães, vice-presidente do Conselho Deliberativo Estadual.
O deputado Virmondes Cruvinel, em seu discurso, destacou a importância da instituição para Goiás e para o Brasil. O parlamentar lembrou do momento difícil pelo qual o País e o mundo, em geral, atravessam em decorrência da pandemia de covid-19 e a importância de incentivar, nestes momentos, a geração de emprego e renda para a população. “O Sebrae representa isso. Sou testemunha por viver aqui na Alego esses assuntos e debater pautas relevantes de apoio à inovação, cultura, pequenos negócios, e, principalmente, acompanhando a capilaridade que o Sebrae possui nos municípios atuando próximo aos gestores e câmaras municipais” destacou o deputado que é presidente da Frente Parlamentar de Apoio à Inovação da Alego.
Neste contexto, Virmondes ressaltou a importância de reconhecer o trabalho do Sebrae. “Mesmo que singela, é com alegria que a Assembleia presta essa homenagem para valorizar e dar o reconhecimento ao trabalho desenvolvido pelo Sebrae e seus profissionais, que tem deixado sua parcela de contribuição pelo bem do próximo, servindo e aproveitando as experiências para garantir que o pequeno empresário possa evoluir” pontuou.
O diretor-superintendente do Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae), Antônio Carlos de Souza discursou em nome dos homenageados e enfatizou a importância dos colaboradores durante os 50 anos de atuação do Sebrae na sociedade. “O Sebrae faz a diferença em nosso estado pelo trabalho árduo dos nossos colaboradores que nos ajudam na missão de transformar os pequenos negócios em protagonistas do desenvolvimento de Goiás”, disse. O diretor-superintendente fez um breve histórico da implantação do órgão no Brasil. “O Sebrae teve o seu início, com muitas dificuldades, no estado do Rio de Janeiro em 1972, e rapidamente se expandiu, tendo chegado em Goiás, em dezembro do mesmo ano”, relembrou.
Antônio também elencou diversas ações do Sebrae durante os 50 anos de atuação no Brasil. “Posso citar o Empretec com mais de 25 anos de existência, que ajudou na formação dos empreendedores. Em 2015, os agentes locais de inovação, o programa líder, o Sebrae Sustentável. Com o início da pandemia em 2020, o Sebrae se remodelou e atendeu na modalidade remota por meio das ferramentas digitais que nos possibilitaram continuar trabalhando e atuando pela nossa sociedade. Com tudo isso, só nos resta agradecer por essa merecida homenagem ao Sebrae”, concluiu. Após o discurso, foi entregue ao presidente da sessão solene, deputado Virmondes Cruvinel (UB), o selo comemorativo dos 50 anos do Sebrae e declarada encerrada a cerimônia.
50 anos de história do Sebrae
Desde 1972 o Sebrae tem por objetivo fomentar o empreendedorismo, auxiliando os micro e pequenos empreendedores, a partir da capacitação, elaboração de estudos e aplicação de leis que melhoram o ambiente de trabalho. São 2.649 pontos de atendimento espalhados pelo Brasil que atuam no despertar das habilidades individuais e preparam os brasileiros para alcançarem seus objetivos e seu espaço no mercado de trabalho. A fundação trabalha, sobretudo, na defesa dos interesses de pequenos negócios junto ao poder público, na construção de um País social e economicamente justo.

0 Shares
You May Also Like