Bia Haddad perde para Halep e é vice no WTA 1000 de Toronto

0 Shares
0
0
0
0
0
0

A brasileira Bia Haddad Maia foi superada pela romena Simona Halep, por 2 sets a 1 (parciais de 6/3, 2/6 e 6/3) neste domingo (14), e ficou com o vice-campeonato do WTA 1000 de Toronto (Canadá).

Esta campanha foi histórica, pois foi a primeira vez que uma representante do Brasil chegou em uma decisão de nível 1000 (que está abaixo apenas dos torneios de Grand Slam) na era aberta (moderna) do tênis, que começou em 1968. A trajetória, que, entre outras, contou com vitórias sobre a canadense Leylah Fernandez (vice-campeã da edição 2020 do US Open), a polonesa Iga Świątek (líder do ranking mundial) e a suíça Belinda Bencic (campeã olímpica), deixou a brasileira na 16ª posição no ranking da Associação Internacional de Tênis Feminino (WTA, sigla em inglês).

🗣️ BIA! BIA! BIA!

A 𝐟𝐚𝐧𝐭𝐚𝐬𝐭𝐢𝐜 run in Toronto will see Beatriz Haddad Maia make her Top 20 debut next week 🆙🇧🇷#NBO22 pic.twitter.com/J4IRL45BKi

— wta (@WTA) August 14, 2022

 A entrada da tenista no top 20 do mundo será confirmada na atualização da lista na próxima segunda-feira (15). Essa é a melhor posição já alcançada por uma atleta nacional (na década de 1960, quando Maria Esther Bueno colecionou títulos, o ranking mundial ainda não existia).

0 Shares
You May Also Like