BNDES aprova contratação de fundo de fomento para ação socioambiental

0 Shares
0
0
0
0
0
0

A BNDES Participações (Bndespar), subsidiária do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES), vai subscrever cotas do Fundo de Investimento em Participações Multiestratégia Vox Tech for Good Growth (FIP Vox TFGG), no montante de até R$ 125 milhões. A operação foi aprovada hoje (5) pelo banco. O boletim de subscrição tem previsão de ser assinado ainda este mês.

De acordo com o BNDES, o fundo deverá fomentar empresas emergentes de todo o país que apresentem soluções inovadoras e capazes de gerar impacto positivo para a sociedade e para o meio ambiente. A operação ocorre no âmbito da chamada pública para seleção de fundos de impacto, lançada pelo banco em julho do ano passado.

O objetivo é estimular negócios que apoiem gestão de resíduos, moradia, acessibilidade digital, meio ambiente, transporte, recursos hídricos, saneamento básico e educação. Visando atrair investimentos privados, o BNDES decidiu aplicar até 25% do valor total de cada fundo. O restante será captado no mercado.

O FIP Vox TFGG foi um dos três fundos de investimento em participações (FIPs) voltados a negócios de impacto selecionados pelo BNDES na chamada pública. Alinhada ao Plano Trienal 2020-2022 do BNDES, a seleção incentivou o investimento em ações de impacto no país, em prol da agenda ambiental, governança e social (AGS), da sustentabilidade financeira e do desenvolvimento do mercado de capitais.

Os outros dois fundos selecionados pelo banco foram o LGEF I – Fundo de Investimento em Participações Multiestratégia e o Althelia Biodiversity Fund Brazil FIP Multiestratégia. O LGEF I já teve o boletim de subscrição (BS) aprovado e assinado em março deste ano, enquanto o Althelia Biodiversity continua em análise, sem previsão ainda de quando ocorrerá a assinatura do BS, informou à Agência Brasil o BNDES, por meio de sua assessoria de imprensa. 

0 Shares
You May Also Like