Brasil fatura ouro e prata no Desafio de Bocha Paralímpica em Roma

0 Shares
0
0
0
0
0
0

A delegação nacional encerra a participação em Roma com cinco medalhas. Nas disputas individuais na segunda (12), Matheus Carvalho e Andreza Vitória de Oliveira foram prata, e Evelyn Oliveira bronze.

Seleção Brasileira de bocha paralímpica é ouro nos pares e fecha torneio em Roma com 5 medalhas: https://t.co/5XgUmqeJia#LoteriasCaixa pic.twitter.com/648BFbCPfn

— Comitê Paralímpico Brasileiro (@cpboficial) September 13, 2022

Notícias relacionadas:

Paralimpíada: conheça mais sobre a bocha na Tóquio 2020.Mascote do Mundial de bocha homenageia multicampeão paralímpico.Técnico do PSG elogia desempenho de Neymar no início da temporada.

Na disputa por equipes BC1/BC2, o trio brasileiro perdeu a briga pelo ouro para a Hong Kong, que venceu por 8 a 3. O bronze ficou com a Tailândia.  Na classe BC1 os atletas jogam com mãos ou pés, podendo ter um auxiliar que lhes entregue as bolas, o que não ocorre na BC2, na qual não é permitida ajuda.

Iuri Tauan (BC2), Andreza Vitória (BC1) e Maciel Santos (BC2) conquistaram a prata nesta terça-feira (13) na disputa por equipes no Desafio Internacional de Bocha Paralímpica, em Roma – Divulgação/Ande

A delegação brasileira viajou à Roma com 10 atletas, e para parte deles – classes BC1, BC2 e BC4 – foi a última competição antes do Mundial no Rio de Janeiro.  O calendário para os demais prevê ainda a etapa da Copa do Mundo em Bahrein, de 4 a 12 de novembro.

O Campeonato Mundial de Bocha Paralímpica reunirá mais de 170 atletas de 40 países de 5 a 13 de dezembro no Parque Olímpico, na Barra da Tijuca, na zona oeste da capital fluminense. A entrada será gratuita.

0 Shares
You May Also Like