Comissão que acompanha a intervenção no Rio discute orçamento para segurança

0 Shares
0
0
0
0
0
0

A comissão externa que analisa a intervenção na segurança pública do Rio de Janeiro reúne-se nesta noite para debater o orçamento destinado à operação.

Segundo a relatora do colegiado, deputada Laura Carneiro (DEM-RJ), os números informados pelas várias esferas de governo sobre os gastos com a intervenção são contraditórios. Apenas os valores da Secretaria de Segurança estão afetos ao Orçamento da intervenção, mas o resto dos recursos, não. Então existem ações complementares. Como isso está funcionando? Como o estado está conversando com a intervenção do ponto de vista orçamentário?, questiona.

Na semana passada, o governo editou uma medida provisória que concede crédito extra de R$ 1,2 bilhão para custear as ações da intervenção federal no Rio de Janeiro na área de segurança pública (MP 825/18).

Olerj

Além da comissão externa, a Câmara também criou o Observatório Legislativo da Intervenção Federal na Segurança Pública do Estado do Rio de Janeiro (Olerj), para acompanhar a intervenção.

A intervenção federal na segurança do Rio de Janeiro foi decretada em 16 de fevereiro pelo presidente Michel Temer e aprovada pelo Congresso quatro dias depois. Foi nomeado um interventor que, até 31 de dezembro deste ano, tem sob seu controle as polícias civil e militar, o corpo de bombeiros e a administração penitenciária.

A reunião da comissão externa está marcada para as 19 horas, no plenário 5.



– BRASIL EM FOLHAS COM AGÊNCIAS DE NOTÍCIAS – I3D 58755

0 Shares
You May Also Like