Dupla de Bia Haddad se classifica às oitavas de final do US Open

0 Shares
0
0
0
0
0
0

A brasileira Beatriz Haddad Maia continua na briga pelo inédito título do US Open, em Nova York (Estados Unidos). Nesta sexta-feira (2), pela segunda rodada, a parceria da paulista, número 23 do ranking de duplas da Associação de Tênis Feminino (WTA, na sigla em inglês), com a cazaque Anna Danilina (18ª), superou a da espanhola Aliona Bolsova (86ª) com a norueguesa Ulrikke Eikeri (42ª) por 2 sets a 0, com parciais de 6/1 e 7/5, em uma hora e 17 minutos de jogo.

Nas oitavas de final, Bia e Danilina aguardam as vencedoras do confronto entre as norte-americanas Reese Brantmeier (376ª) e Clervie Ngounoe (871ª em simples, 1.091ª em duplas) com a australiana Ellen Perez (26ª) e Nicole Melichar-Martinez (17ª), também dos EUA. O jogo está em andamento. A previsão é que a paulista volte a quadra neste domingo (4), sem horário definido.

Na chave de duplas masculinas, os brasileiros que jogaram nesta sexta, também pela segunda rodada, foram eliminados. A parceria do mineiro Marcelo Melo, 45º do ranking da Associação dos Tenistas Profissionais (ATP), com o sul-africano Raven Klaasen (73º), foi derrotada pelo britânico Lloyd Glasspool (26º) e o finlandês Harri Heliovaara (21º) por 2 sets a 0, com parciais de 4/6 e 6/7 (6/8), em uma hora e 26 minutos de duelo. Conterrâneo de Melo, Bruno Soares (33º) e o britânico Jamie Murray (14º) caíram para os poloneses Hugo Nys (54º) e Jan Zielinski (42º) por 2 a 0, com duplo 6/7 (2/7 e 6/8), após uma hora e 43 minutos.

Pela mesma fase, o gaúcho Marcelo Demoliner (173º) e o português João Sousa (296º em duplas, 59º em simples) terão pela frente os espanhóis Feliciano Lopez (70º) e Jaume Munar (197º em duplas, 57º em simples). O jogo ainda será agendado.

0 Shares
You May Also Like