Forma física de Valencia preocupa Equador para duelo contra Holanda

0 Shares
0
0
0
0
0
0

O Equador aguarda novos exames com o veterano atacante Enner Valencia antes de decidir se ele está apto para ser titular contra a Holanda no confronto de sexta-feira (25) entre os líderes do Grupo A da Copa do Mundo do Catar, disse o técnico da seleção equatoriana, Gustavo Alfaro.

😁 ¡El goleador siempre se lleva la pelota! #FIFAWorldCup pic.twitter.com/6IhMLGEIl4

— La Tri 🇪🇨 (@LaTri) November 23, 2022

Notícias relacionadas:

Contra Sérvia, Brasil inicia jornada pelo hexa na Copa do Catar.Copa: Uruguai fica no 0 a 0 com a Coreia do Sul na estreia do Grupo H .Copa: camaronês Embolo decide vitória da Suíça sobre seu país natal .O jogador de 33 anos marcou os dois gols da vitória de 2 a 0 do Equador na estreia contra o Catar e é fundamental para as esperanças da equipe na Copa do Mundo, mas ele deixou o campo mancando naquela partida sentindo o joelho.

“Os exames mostraram que ele não tem uma lesão, mas o trauma é muito grave. Vamos dar uma olhada nele esta tarde e decidir”, disse Alfaro aos repórteres. “Eu disse no outro dia que nem mesmo o fogo poderia deter Enner. Se depender dele, ele vai jogar. Vamos dar-lhe o benefício da dúvida e esperar que ele responda bem no treinamento desta tarde.”

Alfaro disse que a pressão não está com o Equador, já que a Holanda é uma seleção mais tradicional e, teoricamente, tem superioridade.

“Temos tudo a ganhar e nada a perder”, disse ele, comparando o duelo contra os holandeses aos jogos contra os pesos-pesados Brasil e Argentina pelas eliminatórias sul-americanas. “Estou feliz com minha equipe. Mas a Holanda é um grande rival”, acrescentou ele, observando a transformação deles sob o comando do técnico Louis van Gaal. “Temos que ser fortes em todas as frentes, emocionalmente e fisicamente, e sermos duros com eles até o final. O que fizemos contra o Catar será insuficiente contra a Holanda ou contra o Senegal (outro adversário do Grupo A). Temos que melhorar.”

O meio-campista Jhegson Méndez disse que o Equador pode se inspirar em alguns resultados surpreendentes até agora no torneio, incluindo a derrota da Argentina diante da Arábia Saudita. “Às vezes o favorito pode perder. Cada jogo é diferente”, disse ele

* É proibida a reprodução deste conteúdo.

0 Shares
You May Also Like