Galp Energia vence disputa para comércio de petróleo da União de Sépia

0 Shares
0
0
0
0
0
0

A Galp Energia Brasil foi a vencedora do processo de venda direta efetuado pela Pré-Sal Petróleo (PPSA) hoje (31), com o objetivo de comercializar a primeira carga de petróleo da União, oriunda do contrato de partilha de produção de Sépia. A carga, no total de 500 mil barris, estará disponível para carregamento no último trimestre deste ano.

Dez empresas que já têm operação no pré-sal foram convidadas pela PPSA para participar do processo, e três enviaram propostas: Petrobras, Galp e Total. Todas as ofertas de preço foram abertas em tempo real durante reunião realizada nesta quarta-feira pela plataforma Teams entre a PPSA e representantes das empresas participantes.

Conforme estabelecido pela PPSA, a vencedora seria a empresa que oferecesse o maior preço, tendo como base o preço de referência estabelecido para o petróleo de Sépia pela Agência Nacional de Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP).

A empresa portuguesa Galp Energia atua em mais de 26 projetos de petróleo e gás natural no Brasil, por meio da subsidiária Petrogal Brasil, formada em 1999 em associação com a chinesa Sinopec, que detém 30% do capital.

A empresa PPSA atua na gestão dos contratos de partilha de produção, gestão da comercialização de petróleo e gás natural e na representação da União nos acordos de individualização da produção.

0 Shares
You May Also Like